Polícia procura autores do ''Golpe da tinta'' no Vale do Aço

Golpistas estão vendendo água com cal e outros produtos misturados como se fosse tinta para paredes

Imagem ilustrativa


As latas de tinta vendidas são de qualidade superior, mas não passa de mistura com água e cal

Os golpistas voltaram a agir no Vale do Aço e, como sempre, de forma engenhosa para enganar os incautos ou pessoas interessadas em ter alguma vantagem. Dois casos do “golpe da tinta” foram registrados essa semana. Nos criminosos vendem latas com água e cal ou outros materiais como se fosse tinta para pintar paredes. Esse golpe já ocorreu em outras localidades do país.

O primeiro caso do qual se tem notícia na região foi registrado na rua V-16, no bairro Sylvio Pereira II, em coronel Fabriciano, na tarde de terça-feira (18). Os golpistas, em uma picape de pequeno porte, abordaram um homem de 40 anos informando que estavam vendendo latas com tintas residenciais. Eles afirmaram que eram de um estoque mais velho e como as latas estavam amassadas, não conseguiam vender no comércio.

Com esse argumento, os dois golpistas ofereceram cada lata de 18 litros por R$ 100, valor bem abaixo do mercado. Empolgado com o preço em conta, a vítima comprou duas latas para utilizar a tinta na casa de um cliente. O comprador levou o material e somente na casa dele é que descobriu que não era tinta e sim água com cal.

O outro golpe foi registrado pela PM já no período da noite, em Ipatinga. Quando a vítima, de 42 anos, foi verificar o conteúdo da lata adquirida descobriu que não era tinta de verdade. Os bandidos abordaram a vítima no fim da manhã na avenida José Anatólio Barbosa, no bairro Córrego Novo, próximo ao Limoeiro. Alegaram a mesma situação informada para a vítima em Coronel Fabriciano e o comprador pagou R$ 100 por uma lata de tinta.

Somente no período da noite é que, ao abrir a lata em casa, o homem deparou com água misturada à cal e um produto parecido com amido de milho. A dupla, segundo o comprador, estaria em uma picape parecida com uma
Chevrolet Montana ou uma Fiat Strada.

Os policiais de Coronel Fabriciano conseguiram os dados das placas do veículo que seria usado pelos criminosos. Uma Fiat Strada de Mogi das Cruzes, São Paulo. As equipes da PM já foram informadas e procuram pelos estelionatários.

Mais vítimas

A notícia foi publicada na tarde de ontem no Portal Diário do Aço e, pouco tempo depois mais duas vítimas procuraram a reportagem do jornal para informar que também caíram no golpe e enviaram fotos das latas adquiridas com os golpistas, produtos que coincidem com os das outras duas ocorrências registradas anteriormente pela PM.

Lista dos golpes mais frequentes no Vale do Aço:

Golpe do Motoboy faz duas vítimas em Santana do Paraíso
Vítima de Timóteo perde R$ 35 mil em golpe na internet
Casal é vítima de golpe em negociação de carro usado
Golpe da venda de carro lesa jovem em R$ 6,5 mil
Golpe do carro na OLX provoca prejuízo de R$ 75 mil em Timóteo
Idosa cai no golpe do sequestro e perde R$ 15 mil
Golpe do falso sequestro dá prejuízo de R$ 300 mil a casal
Idosa é vítima de golpista virtual e perde R$ 189 mil
Idosa em Timóteo perde mais de R$ 4.500 em golpe
Golpe pelo telefone causa prejuízo de R$ 5 mil em Timóteo
''Golpe do sequestro'' provoca prejuízo de R$ 1,5 mil a idosos em Ipaba
Lotérica de Mesquita leva golpe de R$ 51 mil
Polícia Civil alerta para nova modalidade de golpe no Vale do Aço
Vítimas caem no golpe do sequestro, em Timóteo
Novo golpe via OLX dá prejuízo a proprietário de XRE 300
Casal de idosos tem prejuízo em golpe do carro estragado na estrada
Golpistas inovam e fazem vítimas no Vale do Aço
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Dede 20 de Setembro, 2019 | 17:27
Caímos nesse golpe tbem compramos por 70 reais a tinta só percebemos q não era pq manchou a parede toda
Marcos 20 de Setembro, 2019 | 01:11
Tmb caí no conto do vigário.
Sujeito negro, forte, pinta de trabalhador de obra com sotaque paulista.
Estava em carro novo de cor branco, mas não era pickup. Placa de Mogi das Cruzes tmb.
Promoção: 1 é $100 ou 2 por $140.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO