20 de outubro, de 2020 | 16:57

Morador de Coronel Fabriciano cai no golpe do WhatsApp clonado

Qualquer pessoa que receber mensagem via WhatsApp ou outro aplicativo, de uma pessoa conhecida, pedindo dinheiro por algum motivo deve desconfiar e procurar outro meio para conferir se o pedido de empréstimo é real. Os criminosos têm aplicado sucessivos golpes a partir da clonagem de aplicativos, em especial do WhatsApp.

Essa semana mais um caso dessa natureza foi registrado em Coronel Fabriciano, onde A.D.N., de 40 anos, procurou o 58º Batalhão da Polícia Militar para informar que recebeu uma mensagem por escrito, via WhatsApp, de uma ex-sócia, pedindo que ele fizesse uma transferência bancária para a conta de um fornecedor dela. Alegava a mulher que estava com “problemas no aplicativo do banco” e precisava do favor.

Por conhecer a pessoa, A.D. conta que, no fim da manhã de segunda-feira (19) fez a transferência no valor de R$ 1.500 para uma conta em na agência 1819-8, do Banco do Brasil em Itaim Paulista (SP), em nome de uma beneficiária de nome Amanda Silva.

Após efetuar a transferência do dinheiro, a vítima telefonou para sua conhecida para conferir se a operação bancária havia dado certo. Foi nesse momento que o homem descobriu ter caído no golpe do WhatsApp clonado. A conhecida disse que não havia mandado nenhuma mensagem pedindo dinheiro. A vítima compareceu a uma agência do Banco do Brasil e notificou sobre o ocorrido.

Já publicado:
Mulher é vítima do golpe aplicado via WhatsApp clonado
Golpe com a clonagem do WhatsApp volta a se repetir em Fabriciano
Morador de Ipaba é vítima do golpe do WhatsApp clonado
Como evitar um golpe?
Informação é o melhor caminho para escapar de golpe

Dificulte avida dos bandidos

Há várias formas de atrapalhar a vidados criminosos. Uma delas é ativação da verificação em duas etapas, que dificulta a clonagem da conta no WhatsApp. Esse procedimento consiste em definir um PIN de 6 dígitos que precisa ser digitado toda vez que o login for feito no aparelho.

Para criar o PIN basta entrar Configuração, Conta, Verificação em duas etapas. Insira o PIN que escolher e um endereço de e-mail para recuperar a conta em caso de esquecimento. O PIN jamais deve ser informado a terceiros.

Veja a lista de outros golpes frequentes no Vale do Aço:

Morador do Bom Jardim é vítima do golpe do cartão
O golpe do motoboy e a responsabilidade dos bancos
Advogado alerta para nova tentativa de golpe
Cemig emite alerta de golpe contra consumidores no Vale do Aço
Mulher é vítima do golpe aplicado via WhatsApp clonado
Homem é vítima de golpe ao pagar por televisão
Golpe com a clonagem do WhatsApp volta a se repetir
Homem é vítima de golpe aplicado via WhatsApp
Ipatinguense tem Auxílio Emergencial utilizado por estelionatário
Trabalhadora vítima de fraude tem desviada parcela do seguro-desemprego
Mulher de Coronel Fabriciano cai no golpe do carro estragado na estrada
Negociação de motocicleta via OLX em Ipatinga termina em furto
Jovem perde R$ 4.900 ao tentar comprar motocicleta via site de vendas
Baiano perde R$ 108 mil no golpe do anúncio clonado de venda de S10
Homem é enganado no OLX e perde R$ 9 mil ao negociar compra de um VW Gol
Aposentado é enganado no Golpe do Motoboy em Ipatinga
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário