Cemig emite alerta de golpe contra consumidores no Vale do Aço

Divulgação


Companhia Energética de Minas Gerais alerta para a ação de estelionatários

A população deve ficar atenta à atuação de estelionatários que utilizam o nome da Cemig em tentativas de extorsão e golpes no Vale do Aço, alerta a Companhia Energética de Minas Gerais. Moradores estão sendo abordados, via telefone, por indivíduos que se apresentam como funcionários da empresa e estão cobrando por uma suposta dívida antiga com a companhia, utilizando inclusive o nome da Justiça Federal e outros órgãos para tentar legitimar o golpe. A Cemig esclarece que a realização da cobrança é feita por meio de empresa credenciada e a Companhia não utiliza dos meios de depósito/transferência para recebimento de valores devidos.

A Cemig recomenda que o consumidor exija a identificação daqueles que se apresentam em nome da empresa. Todos os funcionários da Cemig ou de empreiteiras a serviço usam crachá de identificação e uniforme, alerta a empresa. Se a cobrança for via telefone, a empresa recomenda que os clientes liguem imediatamente para o Fale com a Cemig, pelo número 116, para verificação da autenticidade do contato. Além disso, a consulta de valores pendentes pode ser realizada por meio do WhatsApp (31-3506-1160), Telegram (@cemigbot), por SMS pelo número 29810, no Facebook e Twitter pelo chat (www.facebook.com/cemig.energia/) e (twitter.com/cemig_energia), e também pelo App Cemig Atende e Agência Virtual (atende.cemig.com.br).

A Cemig orienta que, nesses casos, seja registrado boletim de ocorrência por segurança do cliente e para que a polícia civil possa investigá-los.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Jane 14 de agosto, 2020 | 12:44
Uma piada, o gestor da CEMIG que informou para matéria é um mentiroso. o 116 não atende, o site CEMIG atende apresenta opções limitadas. Não atendem. Nem o bot do Telegram atende. Ridículo. Hoje teve um cara querendo desligar o padrão de minha casa mesmo com as contas rigorosamente pagas em dia. Liguei para o 116 e nada. Nenhuma das opções da URA atende. No site ninguém atende. Deveriam é ter que indenizar. Nem isolamento social justifica. Conheço várias pessoas de várias empresas em isolamento que estão atendendo de casa. CEMIG deve estar sendo sucateada para facilitar a privatização.
Só tem esta explicação para uma empresa outrora boa ter caído no nível de uma Oi - modelo de péssimo atendimento.
O infeliz ou golpista não desligou porque barrei no portão e ameacei de processar a CEMIG. Se voltar querendo desligar meu padrão a CEMIG vai ver o tamanho do processo que enfrentaram.
Narcizo Lievore 13 de agosto, 2020 | 14:36
Tentem falar com a Cemig por qualquer canal, eles não atendem!!!
Fecharam os postos de atendimento e não se consegue falar de maneira nenhuma!

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO