07 de julho, de 2020 | 10:00

Classificação provisória para obras no Aeroporto Regional é definida

Arquivo DA
A empresa que ficou em primeiro lugar na classificação provisória da licitação para obras no terminal foi a Construtora Contorno LtdaA empresa que ficou em primeiro lugar na classificação provisória da licitação para obras no terminal foi a Construtora Contorno Ltda

A reunião de abertura das propostas de preços das empresas habilitadas na licitação para as obras no Aeroporto Regional do Vale do Aço, em Santana do Paraíso, foi realizada na manhã desta segunda-feira (6), na sede do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER-MG). Na reunião, ficou definido que a empresa vencedora da licitação foi a Construtora Contorno Ltda., conforme a classificação provisória divulgada no site do DERR-MG.

De acordo com a ata da reunião de abertura das propostas de preços, a Comissão Permanente de Licitação estabeleceu a classificação provisória na seguinte ordem: “1° lugar: Construtora Contorno Ltda.; 2° Lugar: Construtora Centro Leste Engenharia Ltda.; 3° Lugar: LCM Construção e Comércio S/A; 4° Lugar: Vilasa Construtora Ltda.; 5° Lugar: Tamasa Engenharia S/A”.

Na ata também é citado que as referidas propostas de preços serão submetidas à análise e conferência dos cálculos aritméticos e quanto aos critérios de aceitabilidade. O julgamento da licitação, com a classificação definitiva das empresas, será posteriormente publicado no Diário Oficial do Estado e submetido à homologação do Diretor Geral do DEER-MG.

Conforme a ata da reunião, a partir da data da publicação do julgamento no Diário Oficial do Estado, terá início a contagem do prazo de cinco dias úteis para interposição de recurso contra o julgamento da proposta, conforme previsto no artigo 109, da Lei Federal 8.666/93.

Obras

As intervenções no terminal estão orçadas em R$ 12.347.964,20 do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC) e prevê a restauração do pavimento da pista de pouso e decolagem, da área de taxiamento, do pátio de aeronaves, além da execução de uma nova sinalização horizontal das áreas mencionadas. O edital não cita a ampliação da sala de embarque no único portão que existe no terminal e nem da esteira de bagagem.

A expectativa é que as obras listadas sejam entregues até dezembro deste ano. Dessa forma, o Aeroporto Regional poderá ficar sem voos até essa data.

Em março de 2019 foi realizada uma reforma provisória na pista do terminal, que tinha prazo de validade em setembro do ano passado. Com isso, ao fim desse prazo, seria necessário um plano de reforma estrutural da pista. No entanto, esse prazo já venceu e as obras ainda não foram iniciadas ou concluídas.

O aeroporto regional está sem voos comerciais desde o dia 26 de março e não há nenhuma expectativa para retomada das viagens aéreas.

Já publicado

Processo licitatório para obras do Aeroporto Regional tem nova etapa
Situação do Aeroporto Regional preocupa setores da indústria e comércio
Aeroporto Regional permanecerá fechado até o fim do ano
Disponibilizado o edital para obras do Aeroporto Regional do Vale do Aço
Ministério da Infraestrutura autoriza licitação para obras no Aeroporto Regional
Estado negocia com Infraero para administrar o Aeroporto Regional
Executivo de Ipatinga garante esforço para manter aeroporto aberto
Obras no Aeroporto Regional têm previsão de início em agosto
Aeroporto Regional pode ficar sem voos até dezembro, afirma Estado
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Filipe

07 de julho, 2020 | 12:57

“Todos funcionários da AZUL foram demitidos não tera voo esse ano em ipatinga”

Envie seu Comentário