Preso mais um suspeito do triplo homicídio, em Ipaba

PM cumpre mandado de prisão em investigado de participação em triplo homicídio ocorrido em um bar no mês de março

Arquivo/Diário do Aço


As vítimas, casal Júnio e Helizecristian, e o amigo deles, Woshington

Em operação desencadeada pela Polícia Militar em Ipaba, na manhã de terça-feira (10), foi preso por força de um mandado de prisão expedido pela Justiça, E.M.S.R., de 23 anos. Ele é suspeito de participação no triplo homicídio ocorrido na cidade no mês de março passado na cidade.

Os policiais militares do Pelotão de Ipaba foram informados que E.M. estava na cidade e escondido na casa de familiares. Os PMs estiveram na rua Altino Machado dos Reis, na área central da cidade, e localizaram o foragido na casa da tia. No momento da ação policial, integrantes da família tentaram impedir a prisão do investigado.

Na confusão, dois integrantes da família foram detidos e com E.M. foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil. Outras pessoas já estão presas pelo mesmo crime em operações policiais realizadas anteriormente. Eles respondem pelas mortes de uma mulher e dois jovens, executados a tiros no dia 30 de março em um bar.

Na ocasião, foram mortos Helizecristian Graziela de Oliveira, de 30 anos, o marido dela, Junio Alves Trega, de 29, e um amigo do casal, Woshington de Freitas Procópio, de 26 anos. O triplo assassinato ocorreu no bar da Loira, na rua Uberaba, no bairro São José. A suspeita da motivação do crime seria uma retaliação pela morte de um jovem em uma barbearia ocorrido dias antes do triplo homicídio.

Leia mais sobre o caso:

Presos mais dois suspeitos do triplo homicídio de ipaba

Suspeitos de triplo homicídio em ipaba são alvos de mandados de prisao
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO