Compras em meio a pandemia de covid-19

Wôlmer Ezequiel


Nessa sexta-feira (29), foi o primeiro de funcionamento do comércio dentro de novas normas restritivas para evitar aglomeração de pessoas e, com isso, evitar a circulação do coronavírus.

Conforme estabelece um novo decreto, com exceção dos serviços considerados essenciais, as lojas podem funcionar agora somente das 12h às 18h, às segundas-feiras, quartas e sexta-feira.

Nos demais dias, os estabelecimentos poderão atuar com a venda por telefone e entrega em casa (ou entrega na porta) de todo tipo de mercadoria, assim como já fazem bares e lanchonetes.

Também hoje foi o último dia de funcionamento das feiras livres. Já a partir de sábado (30), as feiras estarão suspensas por tempo indeterminado.

No Centro de Ipatinga, nessa sexta-feira, já às 11h muitas pessoas já aguardavam a abertura das lojas. Confira como estava o movimento duas horas depois de as lojas abrirem as portas.


Compras em meio a pandemia de covid-19


Mais:
Ipatinga atinge 100% de ocupação dos leitos de UTI para covid e pacientes já aguardam na fila
Saiba quais as novas restrições a partir de 28/5/2020 para o comércio em Ipatinga
Lojas de Ipatinga podem funcionar no sistema delivery nos dias de comércio fechado
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Luiz 30 de maio, 2020 | 19:46
Qual a necessidade de comprar bolsa, calçado, roupa... Em plena pandemia? Bom, cada um faz o que quiser c seu dinheiro. Mas, na minha opinião, deveriam se recolher e guardar o q têm. Pq, além de arriscar a vida, não sabemos o dia de amanhã ( financeiramente falando).
Vava 30 de maio, 2020 | 08:42
Não dá pra entender, as pessoas valorizam mais as "coisas" do que suas próprias vidas. Nao entendem que o melhor a fazer agora é se resguardar (em todos os sentidos), muitos já estão perdendo seus empregos... este auxílio emergencial tbm vai acabar, e pensar que muitos estão usando este dinheiro para churrascos, bebidas, coisas supérfluas. Outra observacao, neste vídeo as pessoas transitando de máscara mas com o nariz exposto!? Não entendi pra que a máscara então. Povo sem noção nenhuma, meu Deus.
Adriano 29 de maio, 2020 | 22:17
Falta de conscientização da população . Se os casos continuarem a subir, fecha tudo e ninguém compra mais nada.... Simples assim.
Helen Mara Rodrigues 29 de maio, 2020 | 19:28
Esse povo é muito teimoso. Acho que poderia abrir o comercio por uma semana, depois fechar duas ( seria a quarentena ) e abrir uma semana de novo. Assim sucessivamente.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO