Adolescente é alvo de golpes de chuço em mais uma confusão no CSE

Interno de 17 anos do Centro Socioeducativo foi ferido com arma artesanal usada por outro adolescente infrator

Arquivo/Diário do Aço


O CSE é localizado no Centro de Ipatinga

Um adolescente de 17 anos sofreu golpes de chuço (arma artesanal), dentro do Centro Socioeducativo (CSE) de Ipatinga na tarde desta terça-feira (17). O autor da agressão é outro interno, um adolescente de 15 anos. A tentativa de homicídio é mais um dos problemas recentes ocorridos na instituição, que recebe menores em conflito com a lei.

A situação entre os dois envolvidos ocorreu por volta das 13h na sala de aula. De acordo com os agentes socioeducativos o agressor se levantou da cadeira e foi em direção à vítima. Ele sacou um chuço vindo a atingir vários golpes no adolescente de 17 anos acertando-lhe na cabeça e na barriga.

Os agentes agiram rápido evitando que o homicídio se consumasse. Imobilizaram o agressor e tomaram do jovem a arma artesanal. No alojamento dele, os funcionários encontraram outro chuço, que foi apreendido. Ele disse que a intenção era matar a vítima, mas não conseguiu porque o objeto não estava afiado do jeito que deveria estar.

A vítima foi medicada primeiro na enfermaria do CSE e depois encaminhada à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), no bairro Canaã. O jovem de 17 foi liberado depois de ser medicado e levado de volta para o CSE. Ele contou que houve um atrito antes com o autor da agressão, fato confirmado pelos dois envolvidos. A situação foi informada à Polícia Civil.

Outros registros recentes envolvendo o CSE-Ipatinga

Adolescente de 15 anos alega ter sido estuprado por sete internos no CSE em Ipatinga

Quatro adolescentes escapam do Centro Socioeducativo em Ipatinga

Adolescentes tentam matar interno no Centro Socioeducativo em Ipatinga
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Curto e Franco 18 de Setembro, 2019 | 15:10
Esse alojamento de bandidos mirins chamado socioeducativo , ta mais parecido com uma escola preparatora de futuros marginais .
Faca na Caveira 18 de Setembro, 2019 | 14:40
Isso que dá passar a mão na cabeça...se a direção tivesse pulso não aconteceria isso. A direção junto com a equipe técnica tira totalmente a autonomia dos agentes oprimido eles com processo admistrativo até mesmo ameaça de cancelar o contrato deles e passando a mão na cabeça dos sementes do mal... isso ainda vai vira um Carandiru com a atual direção....
Arlete Alves de Melo 18 de Setembro, 2019 | 14:24
Não tenho nenhum ente querido nesse estabelecimento que chamam de "socioeducativo",mas como parte da sociedade de Ipatinga fico querendo respostas de tantos crimes ocorridos no local nos últimos anos.Chega a ser assustador,assim como é assustador a penitenciaria Denio Moreira que recebe os presos maiores de idade!
Alguma autoridade poderia me responder por favor?
Arthur 18 de Setembro, 2019 | 13:53
Leva pra passear no shopping com nosso dinheiro que resolve...

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO