Quatro adolescentes escapam do Centro Socioeducativo, em Ipatinga

A fuga foi detectada por um morador das proximidades do CSE, que comunicou a situação para a direção da entidade


O Centro Socioeducativo (CSE) de Ipatinga registrou mais uma fuga de adolescentes internos da entidade. O caso foi registrado nos primeiros minutos de quinta-feira (22), na avenida João Valentim Pascoal, no Centro. Escaparam do CSE três adolescentes de 17 anos e um de 15 anos, eles escalaram o muro do imóvel nos fundos do terreno e desapareceram.

A fuga foi detectada por um morador das proximidades do CSE, que comunicou a situação para a direção da entidade. Com essa informação, os agentes foram conferir se procedia. Em um dos alojamentos faltavam quatro menores infratores. Para enganar a vigilância, eles colocaram objetos debaixo do coberto para parecer que estavam dormindo.

Os internos serraram duas barras de ferro do banheiro e forçaram o metal para dar passagem. Eles usaram uma cadeira, enxada e toalha para danificar a concertina sobre o muro no lado da horta. Os jovens subiram em uma escada onde havia um galinheiro e ganharam a rua Santa Bárbara. A fuga foi comunicada para a Polícia Civil e Polícia Militar, mas os adolescentes não foram encontrados até o momento.

O Diário do Aço foi procurado por uma pessoa, que pediu para não ser identificada. Ela relatou que as ferramentas usadas para amassar a concertina não deveriam estar no local e deveriam ser recolhidas após o uso. Os fugitivos são oriundos de Açucena, Ipaba e dois são de Ipatinga. Todos são considerados de alta periculosidade.

Além desta situação, o denunciante informou que os servidores que trabalham no local estão com medo, já que os internos ficam cada vez mais soltos na unidade, aumentando os casos de agressão entre os adolescentes, além do fato de eles não estarem mais respeitando os agentes socioeducativos. A direção não estaria se preocupando com os procedimentos operacionais de segurança exigidos.

Apuração rigorosa

Por meio de nota, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) confirmou a fuga, informando que registro da ocorrência foi realizado pelos agentes da unidade, e a Polícia Militar foi acionada para efetuar as buscas. A Sejusp informou ainda que instaurou um rigoroso procedimento de investigação para apurar os fatos. “As circunstâncias da fuga serão apuradas a partir da perícia realizada pela Polícia Civil”.

A nota ainda esclarece que “a relação de tempo que os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de internação passam dentro ou fora dos alojamentos, realizando algum tipo de atividade – educacional, profissionalizante, cultural, etc. – é oriunda das regras e diretrizes do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), e a determinação máxima da Sejusp é de que o cumprimento da medida socioeducativa seja feito seguindo à risca o padrão nacional. Qualquer eventual descumprimento a essas regras metodológicas deve ser denunciado formalmente, para apuração e adoção das devidas providências, quando for o caso”.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

J3r3m14s 25 de Agosto, 2019 | 23:46
Se ficar de boa, ganha bolo!
Vilson 25 de Agosto, 2019 | 23:31
O.o
Ze de Minas 25 de Agosto, 2019 | 15:59
Calma gente, os minino foram passear no shoping e no parque ipanema,já já eles voltam. É o velho sistema, nós tamo no Brasil.
Bradok 24 de Agosto, 2019 | 23:27
Eu concordo com o abroba ! O estado está maquiando o sistema fazendo vista grossa, o diretor concorda com deft de funcionários não faz nada pra reverter a situação , alguns ases contratados desinformado babá ovo ruim de procedimento, achando que vai ficar até aposentar no cse IP, demorou pra acontecer ,mas estava previsto essas situações, de óbito, fuga, tem que mudar o foco se está acautelado e porque não pode ter regalias cometeram ato infracional gravíssimo , é uma situação que todos sabem "está faltando ases funcionários pra vigilância pra observação desses adls, não adianta o estado fazer vista grossa mais , parabéns abroba pela sua observação ok !
Ase 23 24 de Agosto, 2019 | 20:32
Este Paulo no mínimo deve de estar doido ou deve ser um daqueles agentes que faz churrasco e só convida o diretor desta unidade de Ipatinga! Kkkkkk....
Ase 23 24 de Agosto, 2019 | 20:31
Este Paulo no mínimo deve de estar doido ou deve ser um daqueles agentes que faz churrasco e só convida o diretor desta unidade de Ipatinga! Kkkkkk....
Jose Maria 24 de Agosto, 2019 | 20:15
Centro Socioeducativo de Ipatinga está cada vez mais em descrédito... cadê o resultado da comissão de direitos humanos da assembleia legislativa que evidenciou maus tratos aos adolescentes, funcionários estressados e de atestado médico, falta de água, sujeiras etc... cadê as autoridades pra intervir... tá na cara que esse diretor aí já era... servidores público do Centro Socioeducativo de Ipatinga pede socorro... esses bandidos que fugiu tão rindo da cara da sociedade... virou bagunça... estão esperando matar o segundo adolescente lá dentro pra ter atitude...
Abroba 24 de Agosto, 2019 | 19:17
Paulo vc com serteza deve ser uns dos ASE que fecha com ladrão, todos sabemos que ai tem agente simpatizante de ladrão. O tempo que estive ai fiz meu trabalho da melhor maneira possível. Agora vc deve ser um daqueles que passa o tipo de carro que o agente tem pro ladrão, faz corre no núcleo, quem sabe não foi vc que levou o esqueiro também ne... meu contrato não venceu babaca sai pq quis...
Anônimo 24 de Agosto, 2019 | 14:05
Paulo, acho que vc deve ser uns dos agentes que faz corre pros ladrões, tipo levar artesanato de um aloj pro outro, escuta ladrão forjando os agentes e não fala nada, passa informações do outro lado pra eles,apaga comissão do quadro.... faz outros coisa más grave ne que nem precisa disse ne mesmo Paulo. Agora o Abroba o tempo que teve no CSE mostrou que era muito justo... é claro não fechava com agente merda igual vc, detalhe ele saiu não é pq o contrato venceu, vc está mau informado seu bundão ele saiu pq quis. Bandido bom e bandido MORTO. Tá com pena leva pra sua casa otário.
Roberto 24 de Agosto, 2019 | 13:30
É abroba então vc é DH e fica ai pagando de cavera atrás de uma tela ? Kkkkk. Então q dizer q vc colava com carrasco dos irmãos sofredores ? Então qdo vc era coordenador vc podia somar com os guerreiros ase ai vc subtraía?? É
Seres humanos , eta raça do cão.??? sobe em cima de um agilete e acha q pode pisar em todos . Ñ sei se serve pra vc , mas se a carapuça servi, vista por consciência sua . Reflexão
Paulo 24 de Agosto, 2019 | 10:44
O abroba vc está exagerando vc era coordenador lá e era carrasco com os ases...fechava com o filhão, agora vc fica nessa aí ,só porque o seu contrato venceu
Paulo 24 de Agosto, 2019 | 10:42
O abroba vc está exagerando vc era coordenador lá e era carrasco com os ases...fechava com o filhão, agora vc fica nessa aí ,só porque o seu contrato venceu
Ase 23 24 de Agosto, 2019 | 08:54
Infelizmente isto já virou rotina nesta unidade! Enquanto ela mantiver um diretor geral que fique maquiando os fatos ocorridos e o ministério público ficar sabendo dos ocorridos só pelos jornais. Nada irá mudar e a sociedade é que se cuide.
Abroba 24 de Agosto, 2019 | 07:30
Projeto horta, projeto belga, projeto galinha... tudo barco furado, tem que dá e trabalho pra essa durma de ladrão. Esse sistema sócio comédia é furada dinheiro jogado fora tem que dá é trabalho pra essa turma de capeta... direção estou precisando de gente pra fazer 6500 metros de cerca vamos criar o projeto cerca... garanto a vcs que eles vão pensar 2 vezes antes de rouba...
Abroba 23 de Agosto, 2019 | 22:41
Fico com pena dos meus companheiros ASE, agora vão ferra com a equipe que estava de plantão... metodologia furada da direção, meu lema sempre foi, bandido bom e bandido MORTO.... A direção proíbe até mesmo uma revista más rigorosa nos capeta quando voltam de saídas de final de semana.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO