14 de setembro, de 2021 | 17:25

Bombeiros e brigadistas mantém atuação em áreas verdes atingidas por incêndio

Divulgação CBMMG
Bombeiro faz rescaldo em área atingida pelo fogo na APA Serra de Timóteo Bombeiro faz rescaldo em área atingida pelo fogo na APA Serra de Timóteo

A terça-feira foi mais um dia de combate a focos de queimadas de áreas verdes no Vale do Aço. Além do rescaldo na mata localizada no morro da Usipa, em Ipatinga, equipes dos bombeiros atuaram no combate ao incêndio que destrói, desde segunda-feira a vegetação na Área de Preservação Ambiental (APA) Serra de Timóteo.

Conforme o comando da operação foram montadas três frentes. Um grupo foi deslocado para a mata acima do bairro Novo Horizonte. No local foi constado que não havia focos ativos. Deste modo a guarnição permaneceu no local para realizar a varredura no entorno.

Outro grupo foi para a área do Clube do Cavalo, nas proximidades do bairro Primavera. O fogo tinha diminuído a intensidade e foi iniciado o rescaldo e confecção de aceiro. Outra equipe dos Bombeiros circulou pelas áreas já em combate para monitoramento.

Uma equipe de brigadista foi lançada na área onde está situado o centro de educação ambiental Oikós para realizar o rescaldo e monitoramento do local.

Também houve uma reunião entre os parceiros do Plano Integrado de Prevenção Controle e Combate a Incêndios Florestais de Timóteo no posto de comando instalado na Secretaria de Meio Ambiente, quando foram definidas que as equipes irão continuar nos locais fazendo o rescaldo e o monitoramento.

As queimadas de áreas verdes, além da destruição da fauna e da flora, também prejudicam os humanos, com a piora da qualidade do ar atmosférico, já degradado com a poluição habitual, agravado com a baixa umidade, calor de 35 graus e agora tomado pela fumaça dos incêndios florestais.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário