23 de julho, de 2021 | 22:22

Homem que matou e enterrou a mãe no quintal é preso em João Monlevade

Reprodução
Alfredo será trazido para a comarca de Ipatinga para responder pela morte seguida de ocultação de cadáver da própria mãe Alfredo será trazido para a comarca de Ipatinga para responder pela morte seguida de ocultação de cadáver da própria mãe

Alfredo da Costa Laurenço, de 48 anos, foi preso no começo da noite desta sexta-feira (23) e será trazido para Ipatinga para responder pela morte e tentativa de ocultação do cadáver de sua própria mãe, Maria Auxiliadora da Costa Laurenço, de 78 anos.

O crime foi praticado na residência onde mãe e filho moravam, na rua Ucrânia, no bairro Industrial, em Santana do Paraíso. A informação foi confirmada por uma fonte da Polícia Militar, ao Diário do Aço, que acompanha o caso desde o começo da noite.

O corpo de Maria Auxiliadora foi encontrado no começo da noite desta sexta-feira, sepultado em uma cova rasa, nos fundos da casa onde ela e o filho, Alfredo moravam, no bairro Industrial, em Santana do Paraíso.

Um vizinho viu quando Alfredo cavava o fundo do quintal, na quinta-feira e estranhou que hoje ele tenha saído de casa e sua mãe desapareceu. O vizinho desconfiou e chamou a polícia, que encontrou um travesseiro com sangue perto do local da cova e sinais de um corpo enterrado no local. O Corpo de Bombeiros Militar foi acionado e resgatou o corpo, repassado para a perícia da Polícia Civil, que constatou um ferimento no pescoço da idosa.

Os levantamentos iniciais dos policiais militares apontaram que Alfredo havia embarcado em um ônibus às 16h15 de hoje no terminal rodoviário de Ipatinga rumo a Juiz de Fora, onde reside o seu pai, na Zona da Mata mineira.

Antes, Alfredo fora visto por pessoas do bairro Industrial em uma bicicleta, transportando uma mala na garupa de uma bicicleta.

As unidades policiais ao longo do itinerário do ônibus foram acionadas e o acusado do crime foi localizado dentro do coletivo em João Monlevade. Desta operação participaram policiais militares com apoio da Polícia Rodoviária Federal.

Veja também:
Autor confesso da morte da mãe no bairro industrial é encaminhado ao Ceresp em Ipatinga
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Bom

24 de julho, 2021 | 12:09

“Coitado do macacos kkk,
Creio com fé que o animal racional, foi a pior criação de Deus, desde as 2 primeiras cópias.
Por mais que Deus dá chance do bicho se ajeitar, ele piora cada vez mais.
Não acredito em mudanças do ser humano.”

Antonio Dimas Guedes Otoni

24 de julho, 2021 | 08:33

“Alguém um dia disse que nós poderíamos ser originários dos macacos. Macaco não dá cheque sem fundo, não quebra o galho do outro, não assina contrato e não mata sua mãe. Então o homem seria um macaco muito piorado,”

Envie seu Comentário