24 de janeiro, de 2022 | 07:44

Presos os envolvidos em assalto praticado em Mesquita

Autores do roubo usaram uma motocicleta que havia sido roubada na Estrada da Amizade, em Ipatinga

Enviada para o portal Diário do Aço
A moto Yamaha Factor, que havia sido roubada em Ipatinga, foi usada no assalto em Mesquita e localizada pela PMA moto Yamaha Factor, que havia sido roubada em Ipatinga, foi usada no assalto em Mesquita e localizada pela PM

Um jovem de 24 anos foi preso pela Polícia Militar pela suspeita de participar de um assalto em Mesquita, crime praticado na tarde de domingo (23), por dois criminosos. Além de J.J.M.D., os policiais prenderam mais dois suspeitos de darem apoio aos assaltantes na cidade.

Os criminosos usaram uma moto roubada em Ipatinga no sábado à tarde, como já havia divulgado o Diário do Aço.

Segundo relatos de um homem de 42 anos, ele se encontrava na rua Nigéria, em Mesquita, por volta das 13h quando foi atacado por dois assaltantes. Eles queriam um cordão de ouro, mas a vítima não portava qualquer joia. Os ladrões se contentarem em roubar a carteira deste homem levando documentos pessoais, R$ 150, além da chave de um veículo e o telefone celular.

Os dois assaltantes fugiram na moto Yamaha Factor de cor azul, veículo que se descobriu ter sido roubado em Ipatinga um dia antes. Eles foram vistos trafegando sentido a Santana do Paraíso. Nas buscas, policiais localizaram a moto abandonada na estrada do córrego do Tamanduá.

Em deslocamento para o local onde estava a moto, os PMs passaram por um Chevrolet Monza com quatro ocupantes, dois deles com a aparência de serem os assaltantes, além deles serem desconhecidos da cidade. Os militares retornaram a viatura, mas em um primeiro perderam o carro de vista.

O rastreamento continuou até que o Monza foi encontrado, mas só estava com dois ocupantes. Eles negaram que mais gente estivesse com eles no carro, mas entraram em contradição e depois confessaram que deixaram os outros em um chalé na zona rural de Mesquita.

Os policiais foram até o chalé, quando notaram dois suspeitos correndo por um matagal, deixando para trás duas blusas. Um dos abordados no Monza, B.A.C., de 24 anos, quebrou o aparelho de telefone, possivelmente para sumir com qualquer prova do envolvimento dele com os dois suspeitos do assalto.

Além de B.A., que passou a desacatar os policiais militares ao notar que seria preso por coautoria do roubo, o segundo abordado no carro, I.G.S.F., de 20 anos, também foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil. O Monza foi apreendido e removido ao pátio credenciado pelo Detran, com a moto abandonada pelos autores do assalto.

No fim da ocorrência, um dos suspeitos do roubo foi preso

Enquanto as equipes se deslocavam para levar os dois detidos para a delegacia, surgiu uma informação que os dois autores do assalto foram vistos na região do córrego do Travessão. Uma equipe de Joanésia e outra de Santana do Paraíso foram até o local indicado onde os policiais conseguiram avistar os dois denunciados.

No cerco foi preso J.J.M.D., de 24 anos, que estava descalço e sem camisa. O outro conseguiu escapar dos policiais. J.J. sofreu arranhões durante a fuga no mato. Ele foi medicado na UPA do bairro Canaã antes de ser encaminhado para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Ipatinga.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário