16 de junho, de 2021 | 17:49

Polícia procura motorista que atropelou e matou ciclista em Timóteo

Reprodução
Caminhonete que atropelou e matou Valdecy Lima, o Badeco, foi apreendida no bairro Recanto Verde Caminhonete que atropelou e matou Valdecy Lima, o Badeco, foi apreendida no bairro Recanto Verde

Valdecy Lacerda Lima, de 46 anos, morreu em decorrência de um atropelamento por um veículo na BR-381, em Timóteo, na noite de terça-feira (15). O homem se encontrava em uma bicicleta, quando foi atingido por uma picape Fiat Strada. O motorista fugiu sem prestar socorro para o ciclista, mas foi identificado no início da tarde desta quarta-feira (16).

Populares informaram aos bombeiros que a bicicleta e a picape trafegavam pela rodovia, na mesma direção, quando ocorreu o acidente. O condutor da Strada, cuja placa foi anotada por uma testemunha, teria fugido logo depois da colisão. Uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros de Ipatinga foi acionada para prestar socorro ao ciclista, contudo, ele já se encontrava sem sinais vitais.

O corpo de Valdeci, conhecido como "Badeco", foi encaminhado pela funerária Nova Aliança ao Instituto Médico Legal (IML) de Ipatinga depois dos trabalhos da perícia da Polícia Civil. O registro do acidente ficou a cargo da Polícia Rodoviária Federal. A vítima morava no distrito de Cachoeira do Vale, em Timóteo, e deixou filhos.

Motorista identificado

Por meio da placa anotada por uma testemunha, o caso foi repassado para a Polícia Militar, que conseguiu localizar o endereço no qual está registrada a Fiat Strada de cor prata. Uma equipe foi até a rua Angico, no bairro Recanto Verde, em Timóteo, onde mora R.F.B., de 52 anos, contudo ele não se encontrava em casa e nem no seu estabelecimento comercial, um açougue. A mulher do comerciante informou que o marido tinha saído por volta das 11h30 de quarta-feira e não tinha retornado.

A esposa do suspeito que levou os policiais até a garagem da residência. A picape estava com avarias no para-lamas dianteiro do lado direito, farol e para-choque quebrados e ainda o para-brisa quebrado. Todos os indícios apontam que o veículo se envolveu em uma colisão. A caminhonete foi apreendida e removida ao pátio credenciado pelo Detran.

A esposa do proprietário do carro disse que o marido chegou em casa, na noite de terça-feira e que não comentou sobre qualquer acidente. Ele havia ido até Jaguaraçu para comprar gado. Até o começo da noite desta quarta-feira as equipes mantinham as buscas ao comerciante, inclusive, em sua propriedade rural, em Jaguaraçu.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]iariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Miguel

18 de junho, 2021 | 08:31

“BR é pista pra carro. Motorista deveria ter permanecido ou comparecido na PRF.”

Menina Moça

17 de junho, 2021 | 09:09

“Como é que a pessoa chega em casa com o carro cheio de avarias e a esposa não pergunta ao marido o que aconteceu? Se apertar mais um pouco sai até a senha do Facebook do motorista covarde.”

Antonio Dimas Guedes Otoni

16 de junho, 2021 | 19:53

“Um covarde.”

Envie seu Comentário