18 de fevereiro, de 2021 | 19:45

Calçada da avenida Londrina tem trecho interditado com estragos da chuva

Alex Ferreira
Calçada compartilhada (chamada equivocadamente de ciclovia) foi reformada recentemente, mas nesse ponto não suportou a chuva Calçada compartilhada (chamada equivocadamente de ciclovia) foi reformada recentemente, mas nesse ponto não suportou a chuva

A calçada compartilhada de pedestres e ciclistas, no canteiro central da avenida Londrina, precisou de interdição nas proximidades da conversão para a avenida Livramento, no bairro Veneza II.

Em frente ao número 840 da avenida, já nas proximidades de um retorno, o aterro ao redor de um poço de visita cedeu e uma cratera se formou. O mesmo problema se repete 100 metros mais à frente, logo após o retorno existente no local.

Com a interdição, ciclistas e pedestres que usam a pista têm ido para a lateral da avenida Londrina, em um trecho com movimentação intensa de veículos. Além dos que trafegam pela avenida há o complicador dos motoristas que precisam retornar na avenida ou fazer a conversão para a avenida Livramento.

A Secretaria Municipal de Obras Públicas (Semop), informou por meio de nota enviada ao Diário do Aço pela Assessoria de Comunicação, que a interdição ocorreu na terça-feira (16) e foi necessária por medida de segurança, devido a diversas rachaduras identificadas ao longo da pista, resultantes da forte chuva dos dias anteriores.

“A ciclovia foi refeita recentemente, e a empresa responsável pela execução do serviço já foi acionada para a correção desses problemas. Contudo, os trabalhos de remoção do material danificado e substituição por nova pavimentação asfáltica só poderão ser retomados após a estiagem, já que, sem tempo firme, há risco de novas avarias. Até que as obras sejam retomadas e concluídas, o percurso será devidamente sinalizado e a via ficará interditada”, conclui da nota.

Veja também:
Administração de Ipatinga avalia estragos deixados com 146 mm de chuva
Chuva causa inundação e invade lojas em avenida de Ipatinga

Alex Ferreira
Conforme a secretaria de Obras, empresa responsável pela reforma já foi notificada e reparos deverão ser feitos após a estiagemConforme a secretaria de Obras, empresa responsável pela reforma já foi notificada e reparos deverão ser feitos após a estiagem


Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário