04 de janeiro, de 2021 | 09:11

Trio é preso por assalto violento à residência no Veneza II, em Ipatinga

Um dos marginais foi baleado com a arma usada no assalto, criminoso que teria participado do roubo a joalheria no mês passado

Divulgação Polícia Militar
O revólver usado no assalto foi apreendido juntamente com outros objetosO revólver usado no assalto foi apreendido juntamente com outros objetos

Três jovens criminosos foram presos na madrugada dessa segunda-feira (4) depois de tentarem assaltar uma residência na rua Fortaleza, no bairro Veneza II, em Ipatinga. Os autores do crime agrediram pai e filho, mas durante a ação uma das vítimas conseguiu se apossar da arma usada no assalto e baleou um dos autores, um adolescente de 16 anos, conforme apurado pela reportagem do Diário do Aço.

O fato começou por volta das 3h de segunda-feira. Um aposentado de 84 anos e o filho dele, um homem de 46 anos, se encontravam dormindo, quando foram acordados pelos criminosos, que utilizaram uma escada para acessar o segundo pavimento da residência das vítimas.

O homem de 46 anos foi surpreendido dentro do quarto dele. Os bandidos anunciaram o assalto e pediram dinheiro. Diante da negativa, a vítima recebeu golpes com a coronha de um revólver na cabeça e foi amordaçado. Na sala da casa, eles depararam com o aposentado, de 84 anos, que acordou com o barulho no quarto do filho.

Um dos criminosos deu um “mata-leão” no aposentado e o jogou ao solo enquanto recebia coronhadas na cabeça. Em desespero, o idoso agarrou o indivíduo que estava armado. O filho, assim que notou o perigo que o pai corria, pegou uma garrafa de vinho e foi na direção dos autores.

O assaltante armado disparou a arma, mas os tiros falharam assim que puxou o gatilho por três vezes para tentar balear os moradores. Esse foi o momento em que as vítimas, mesmo feridas, entraram em luta corporal com os assaltantes, que desistiram do roubo e fugiram. O revólver acabou caindo durante a fuga.

Uma das vítimas pegou a arma e conseguiu disparar duas vezes o revólver, um dos tiros acertou o antebraço direito de um dos autores no momento em que eles fugiam da residência. Os criminosos chegaram a pular do segundo pavimento da casa, em desespero, diante da reação dos moradores.

O Centro de Operações Policiais Militares (Copom) recebeu denúncias sobre a localização dos autores do roubo. Em uma abordagem a um suspeito, 19 anos, ele negou o envolvimento com o crime, mas os militares foram até o Morro do Sossego, em uma casa na rua da Comunidade, onde notaram dois indivíduos tentando fugir pelos fundos. Foi verificado que havia gotas de sangue na entrada desta residência e poderia ser do assaltante ferido.

Em um cerco ao imóvel, os PMs conseguiram prender um indivíduo de 20 anos e apreender um adolescente de 16 anos, que se encontrava ferido com o tiro. No local do assalto foram apreendidos um revólver calibre 38 com seis cartuchos, um intacto, dois deflagrados e três picotadas (falharam).

Relógio que pode ter sido roubado de joalheria

Com o assaltante de 19 anos, os PMs encontraram um relógio de pulso que pode ter sido roubado de uma joalheria no Centro de Ipatinga no mês passado.

O adolescente também é suspeito de ter participado desse assalto e estaria na direção do veículo usado para a fuga, uma picape Chevrolet S10 furtada em Belo Oriente.

Ainda foram encontradas no interior do imóvel, onde estavam escondidos os suspeitos, um celular roubado, bem como as roupas utilizadas pelos envolvidos durante a ação criminosa, além de uma bucha de maconha e sacolinhas plásticas utilizadas para embalar entorpecentes; e ainda um projétil de arma de fogo.

Os três detidos foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro Canaã, e, depois de serem medicados, levados para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Ipatinga com os objetos apreendidos pelos PMs. As vítimas feridas também foram socorridas e levadas para receberem atendimento médico.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Tiao Curuja

04 de janeiro, 2021 | 16:06

“torço para invadirem minha casa...

mando os 3 pro inferno”

Envie seu Comentário