Dois homens presos por desvios do auxílio emergencial

Divulgação PRF


De posse de dados pessoais, criminosos receberam cerca de R$ 8 mil do auxílio emergencial pago pelo governo federal

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que realizavam uma fiscalização de rotina no km 597 da BR 381, em Carmópolis de Minas, quando prenderam na madrugada de quarta-feira (9), dois estelionatários, ambos de 24 anos, que confessaram estar recebendo, mediante fraude, o auxílio emergencial do Governo Federal durante o período da pandemia de covid-19.

As prisões ocorreram durante a abordagem de um veículo Honda Civic, quando os policiais localizaram 10 telefones celulares, um notebook e um caderno com listas nominais, contendo números de CPF e datas de nascimento de várias pessoas.

Segundo apurado no local da abordagem, de posse dos dados os fraudadores praticavam desvios do auxílio emergencial garantido pelo Governo Federal como forma de reduzir os impactos da pandemia de covid-19.

Os dois falsários confessaram que a fraude permitiu que ambos recebessem cerca de R$ 8 mil, somente nos “últimos dias”, sem precisar o tempo exato que gastaram para arrecadar esse dinheiro sacando de forma indevida entre R$ 600 e R$ 1.200 do auxílio emergencial. Os dois criminosos confessos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal em Divinópolis e passam a responder pelo delito.

Já publicado

Ipatinguense teve auxílio emergencial desviado em fraude
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO