Cruzeiro paralisa atividades por tempo indeterminado

A preparação física passou uma lista de exercícios para os jogadores realizarem no período em que estarão ausentes da Toca da Raposa 2

Gustavo Aleixo/Cruzeiro


Os atletas e comissão técnica fixa do Cruzeiro se reuniram na manhã desta quarta-feira, na Toca da Raposa 2, com o diretor de futebol Ricardo Drubscky e o médico Sérgio Campolina e receberam as orientações sobre o período em que ficarão afastados das atividades no CT em virtude da pandemia causada pelo Coronavírus.

“O mundo inteiro do esporte está solidário e está tomando as medidas cabíveis. Todos nós estamos em busca das melhores soluções. A medicina e a ciência estão nos ajudando a criar alguns argumentos, mas a verdade é que não existe um ser humano na Terra que tenha passado por uma situação de pandemia como esta. É algo inédito, temos de pegar o know-how de outros países que desenvolveram saídas para lidar com o problema e tentar aplicar aqui”, disse Drubscky.

“Que nós, esportistas de maneira geral, saibamos dar exemplo e que nós, como comunidade e sociedade brasileira, saibamos nos disciplinar. Que possamos sair deste momento de tristeza e dificuldade e tiremos aprendizados para as relações humanos, para o sentimento de cidadania. Espero que nós brasileiros não sejamos tão penalizados por este vírus”, completou.

“É um prazer poder falar com a comunidade do esporte e, principalmente com a torcida cruzeirense. Estou feliz de estar aqui, sabedor da responsabilidade e das necessidades do Clube. Já é quarta, quinta vez que eu volto ao Cruzeiro, sendo a segunda como diretor do profissional”, declarou ele, que demonstrou muita confiança em uma grande temporada da Raposa.

“Volto muito confiante e entendo que temos todas as possibilidades de atingir os nossos objetivos, sendo o principal o retorno à Série A. Conheço muitos dos profissionais que estão aqui, sejam jogadores ou colaboradores, por isso acredito que temos ótimas ferramentas para contribuir para que o Clube saia deste momento difícil e parta para um crescimento sustentável”.

Já o médico Sérgio Campolina explicou os cuidados e reforçou as medidas que eles precisam ter no momento em que ficarão em suas residências, com os familiares, para minimizar os problemas que podem ser causados pela Covid-19.

A preparação física passou ainda uma lista de exercícios para os jogadores realizarem no período em que estarão ausentes da Toca da Raposa 2. Após as conversas, elenco e comissão técnica foram liberados para ficarem em quarentena em suas casas por tempo indeterminado.

Já publicado

Por causa do coronavírus, Galo suspende atividades
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO