Apreendida em Guanhães maconha originária de Ipatinga

Casal foi preso pela Polícia Militar na entrada da cidade transportando 11 barras de maconha

Divulgação Polícia Militar


As barras de maconha foram encontradas no porta-malas do carro

Um casal de Ipatinga foi preso por tráfico de drogas na entrada da cidade de Guanhães. Os dois transportavam no carro em que estavam 11 barras de maconha, totalizando cerca de 8 quilos do entorpecente. G.T.M., de 35, e a E.I.R., de 45 anos, informaram que receberam R$ 700 para transportar a droga até Guanhães.

Uma viatura da Polícia Militar patrulhava o bairro Village da Estiva, na saída de Guanhães para Virginópolis, no início da madrugada de segunda-feira (24), quando observou o motorista de um VW Logus vermelho, com placas de Ipatinga. Ele demonstrou nervosismo e parou o carro sem qualquer ordem dos policiais. A equipe desconfiou de algo errado e os PMs resolveram verificar.

G.T. alegou ser de Ipatinga, mas não sabia chegar até a cidade de Guanhães. Ele não sabia qual rua ou bairro queria ir, situação que levantou suspeita junto aos policiais. O casal não tinha nada de ilícito, mas, no porta-malas do carro, foram encontradas as barras de maconha divididas em duas sacolas.

O motorista alegou que recebeu R$ 700 de uma pessoa no bairro Bom Jardim, em Ipatinga, para pegar as barras de maconha no bairro Amaro Lanari, em Coronel Fabriciano. Além dos R$ 700, o motorista iria receber mais R$ 200 para pagar o combustível gasto até Guanhães.

G.T. alegou que a amásia se prontificou em acompanha-lo na viagem e afirmou que a mulher não sabia da existência droga no carro. Enquanto os policiais registravam a ocorrência, o telefone do preso tocou, possivelmente era a pessoa que receberia a droga em Guanhães. O casal e o material apreendido foram entregues na delegacia de Polícia Civil.

As barras de maconha estavam embaladas em plástico vermelho, material não muito comum, mas idêntico ao usado para embalar os entorpecentes apreendidos em outras cidades esse mês, no Vale do Aço, como em Santana do Paraíso onde foram recolhidas 157 barras da droga.

Os policiais recolheram porções iguais em Caratinga, Coronel Fabriciano, Timóteo, Ipatinga e até em Governador Valadares, possivelmente do mesmo fornecedor.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Joaquim 28 de Fevereiro, 2020 | 00:53
Este comando da PM q atual no Lanari só quer saber de fazer blitz p cercar trabalhador, nas madrugadas q é quando as mulas trabalham, não se vê uma viatura em BLITZ, e o estranho q os mula daqui são presos em outtos bairros e outras cidade, aki não!
Comedia 27 de Fevereiro, 2020 | 15:29
O conselho de segurança do Amaro Lanari está mais preocupado em divulgar videos de carnaval do que falar de segurança.
Caveirao 26 de Fevereiro, 2020 | 23:11
Esse bairro tem peixe grande, é só observar como q as mulas andam c a carga pesada. Já teve mula de meia tonelada.
Pesquisador 26 de Fevereiro, 2020 | 18:11
tomara que passem uma eternidade trancafiados para que fação uma reflexão.. o CRIME não compensa.. Aproveitando o espaço sobre uma matéria citada sobre a criminalidade no Bairro Amaro lanari semana passada.. volto a dizer, as autoridades competentes tem de quebrarem o TÁBU de que esse bairro é de siderurgica e não pode atuarem com RIGO.. os maiores traficantes de DROGAS estão escondidos no AMARO LANARI.. porque sabem que a policia não atua com rigor ai...

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO