Homem é preso por furtar mais de R$ 500 de carne, em Ipatinga

Ladrão havia furtado em um supermercado e estava agindo em outro estabelecimento ao ser flagrado pelos seguranças

Wellington Fred


As peças de carne furtadas encontradas com o suspeito ao ser abordado

Mais de R$ 500 de carne furtada foi recuperada com um homem de 40 anos ao ser preso na tarde desta sexta-feira (29). Ele havia furtado as peças de picanha e de outros cortes em um supermercado no Centro de Ipatinga, mas a descoberta deste furto só ocorreu no momento que L.C.B.G. foi preso tentando levar mais objetos de outro supermercado, no bairro Novo Cruzeiro.

Os seguranças do supermercado Coelho Diniz abordaram o suspeito saindo do supermercado com algumas sacolas. L.C. tentou correr, mas foi impedido. Ele carregava uma peça de maçã de peito, outra de picanha, uma de cupim e uma de costela, além de seis barras de chocolate, totalizando R$ 240.

Os policiais militares foram acionados e prenderam L.C., mas a surpresa maior surgiu ao verificarem as imagens das câmeras de segurança. O homem havia colocado algumas coisas no guarda-volumes. Eles foram verificar e descobriram que eram mais peças de carnes, mas do supermercado Bretas, do Centro de Ipatinga, como confirmou o funcionário daquele estabelecimento.

Do Bretas foram levadas embalagens de picanha, maminha e cupim totalizando cerca de R$ 315 em peças de carne furtadas. O material apreendido dos dois supermercados, como é perecível, foi devolvido para as empresas e L.C. encaminhado para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Ipatinga e autuado em flagrante pelo crime de furto.

Mais:
Carne pode ficar ainda mais cara em 2020. "O tempo da carne barata passou, diz ministra
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Patriota Sem Partido. 03 de Dezembro, 2019 | 16:00
Sr. Natal e Sr. Denilson, vocês sabem o que é ironia? Partidos bons são aqueles cujos políticos roubam, mas não fazem.
Natal 02 de Dezembro, 2019 | 09:05
....o Sr.jeremias deveria ser investigado ou vigiado quando for em algum supermercado . essa filosofia de ter que roubar porque o preço ta alto , é típica de quem faz coisa errada. além de ser desse partido que acha , roubei mas fiz....
Denilson 01 de Dezembro, 2019 | 23:01
Então quer dizer Sr.Jeremias Pinheiro, que a culpa e dos frigoríficos que o ladrão e que esta certo, essa fala sua e tipico de petista, não trabalha e que uso fluir do suor dos outros. ladrão e ladrão em qualquer situação não vamos inverter a situação não tá.
Jeremias Pinheiro Farias 01 de Dezembro, 2019 | 15:04
Esse pobre coitado esta certo, tinha que prender os donos de frigorificos que aumenta o preço do produto de consumo interno e vende a carne a preço de banana para os chineses.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO