58º BPM aponta queda em crimes violentos no mês de outubro

Homicídio consumado e tentado nos últimos dias mobilizaram a Polícia Militar para dar uma resposta à sociedade

Arquivo / Diário do Aço


Um dos homicídios ocorridos no mês de outubro em Coronel Fabriciano

O 58º Batalhão da Polícia Militar (BPM), sediado em Coronel Fabriciano, informou que houve queda nos crimes violentos na área de abrangência da unidade, apesar de registros nesse último mês de outubro de ocorrências de homicídio tentado e consumado. Os crimes ocorridos em Coronel Fabriciano e Timóteo, como ressalta o comando da PM, já foram esclarecidos e alguns deles com prisões de suspeitos.

Em nota, o comando da PM ressalta o grande esforço da Unidade Operacional, que tem lançado um policiamento preventivo em todas as cidades de sua área de responsabilidade territorial. Em virtude dos crimes violentos, também vem sendo implementado um policiamento pontual nos locais críticos, com repressão qualificada, que perpassa por uma atuação conjunta com a Polícia Civil, Ministério Público e, principalmente, contando com o apoio da comunidade ordeira.

“Dessa forma, tem sido dada continuidade aos esforços incansáveis para identificar, localizar e prender os autores de crimes, em especial de crimes violentos como os de homicídio consumado e tentado. A maior parte desses autores foi identificada, outros já foram presos e o restante está sendo trabalhado para que também sejam”.

Como exemplo, a PM de Fabriciano cita a prisão em flagrante de três autores do último homicídio ocorrido em Timóteo, que após o cometimento do crime, foram comemorar realizando um churrasco em um sítio. A PM montou um cerco no local e os prendeu. Eles ainda irão responder pelos crimes de formação de quadrilha e tráfico de drogas.

Também, o último homicídio tentado ocorrido em Coronel Fabriciano, na quinta-feira, foi dada uma pronta resposta da PM, sendo preso um autor e apreendido um menor infrator. O Batalhão ressaltou que nesse último mês de outubro, houve uma redução de 32% nos crimes violentos aqui na área do batalhão fabricianense, que englobam roubos, estupros, tentativa de homicídio, homicídio e latrocínio (roubo seguido de morte).

Segundo o comando do 58º BPM, reafirma-se o compromisso com o cidadão de bem, ressalta-se que o objetivo do trabalho diuturno da Polícia Militar é de que o crime não aconteça, porém, caso ocorra, nenhum crime fique sem resposta e que, tais delitos não prosperem em nossas cidades. “O apoio da sociedade é fundamental, podendo ser feito através de denúncias anônimas pelo 181 (Disque Denúncia) e 190, para que, a cada dia, nossas cidades se tornem bons lugares para se viver e educar nossos filhos”.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO