Adolescente escapa da morte no Caladinho, em Fabriciano

Vítima foi levada para um local afastado onde mesmo baleada conseguiu fugir dos seus algozes

Google


Um adolescente de 14 anos foi vítima de tentativa de homicídio por volta das 21h de quinta-feira (31) na rua Vale do Amazonas, no bairro Morada do Vale, em Coronel Fabriciano. Dois jovens foram localizados e detidos por participação no atentado que teve ainda outros dois envolvidos.

A vítima informou que se encontrava em um bar no Caladinho de Baixo onde se desentendeu com outro adolescente, de 14 anos. Após os ânimos serem serenados, o jovem foi chamado por este infrator na companhia de M.P.R.S., de 18 anos, E.S.O., de 19, e uma quarta pessoa, para irem até à região onde existe uma santa.

No local, que é afastado, o adolescente infrator sacou um revólver e disparou em direção à vítima, mas o tiro falhou. E.S. pegou a arma conseguindo acioná-la, mas a vítima não foi atingida. Neste momento passou uma motocicleta pelo local, provocando distração nos autores.

O adolescente aproveitou dessa situação e saiu correndo. Foram disparados mais tiros que acertaram o ombro e a mão, ambos no lado esquerdo. O ferido buscou ajuda na casa dele e foi levado ao Hospital Dr. José Maria de Morais onde ficou internado recebendo atendimento médico.

Em rastreamento, os policiais militares conseguiram localizar dois dos suspeitos e identificou um terceiro participante do atentado. M.P. e o adolescente de 14 anos foram detidos, mas não quiseram revelar com quem estava a arma de fogo usada na tentativa de homicídio. Os dois foram levados para a delegacia de Polícia Civil e o caso ainda é apurado.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO