Duplo homicídio assombra em Coronel Fabriciano

Humberto David Lage, de 32 anos e Neide Pires Silva, 46 anos, foram encontrados assassinados

Reprodução


Casal foi encontrado executado com diversos tiros, sobre uma cama, no bairro Santa Terezinha, em Cel. Fabriciano
Atualizada às 17:12
Mais duas pessoas foram assassinadas em Coronel Fabriciano. Dessa vez, o crime foi registrado por volta de 20h30 desta quinta-feira (17), na rua Paracatu, bairro Santa Terezinha.

Humberto David Lage, de 32 anos e Neide Pires Silva, 46 anos, foram encontrados assassinados. Acionados por populares, policiais militares compareceram ao local onde o casal se encontrava sobre uma cama, executado com diversos disparos de arma de fogo.

A principal testemunha do crime é o filho de uma das vítimas. Ele relatou para a Polícia Militar que, momentos antes do assassinato, presenciou José Geraldo de Souza, 35 anos, travar uma discussão com o casal, quando proferiu ameaças de morte.

Localizado pela Polícia Militar, o suspeito apresentou versões contraditórias acerca da discussão e motivos. Inicialmente o homem foi detido e conduzido por posse de munição e ameaça às vítimas.

Tanto o casal assassinado quanto a testemunha são usuários de entorpecentes como maconha, crack e bebida alcoólica. Dos dois assassinados, apenas Humberto tinha passagens pela polícia. Os levantamentos feitos nas proximidades indicam que todos tinham desafetos na localidade onde residiam. A polícia mantém a apuração do caso.

Discussão

As duas mortes somam-se a outros homicídios registrados nesse fim de ano na cidade, que agora chega a 18 assassinatos.

Os seguidos casos de homicídio têm assustado e gerado discussão acerca das escolhas que as pessoas fazem na vida e suas consequências. O motivo é que muitos dos crimes violentos contra a vida têm como vítimas pessoas com envolvimento no mundo do crime, principalmente uso ou tráfico de drogas.

Já publicado:
Idoso é executado a tiros em Coronel Fabriciano
Arma é apreendida com membros de facção, em Coronel Fabriciano
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO