Cebus recebe mais um lobo-guará para tratamento

O lobo foi encontrado na zona rural de Governador Valadares por um trabalhador de uma fazenda e foi resgatado pelos profissionais do IEF

Yngrid Bragança


Animal, que veio de Governador Valadares, foi atropelado e estava com uma grave fratura na perna

No espaço de uma semana, o Centro de Biodiversidade da Usipa (Cebus) recebeu dois lobos-guarás para tratamento. O primeiro chegou dia 19 de agosto com uma infecção no ouvido e no dia 26 do mesmo mês outro lobo foi trazido ao Cebus pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF), vindo de Governador Valadares. Desta vez, foi um animal atropelado que estava com uma grave fratura na perna.

O lobo foi encontrado na zona rural de Governador Valadares por um trabalhador de uma fazenda e foi resgatado pelos profissionais do IEF. Devido à gravidade das lesões, o animal foi operado por uma equipe de veterinários de uma clínica de Ipatinga, informou a Usipa. O estado de saúde do lobo requer cuidados que serão adquiridos no Cebus.

“Os lobos receberam os nomes de Leão e Fêmur. Leão, que estava com uma otite, se recuperou muito bem e deve voltar à natureza em alguns dias. Fêmur, que fraturou a perna, ainda permanecerá em tratamento e avaliação por mais tempo”, conta o médico-veterinário responsável técnico do Centro de Biodiversidade da Usipa, Lélio Costa e Silva.

Fauna Sem Lar
O Cebus, em parceria com Associação Regional de Proteção Ambiental do Vale do Aço (Arpava), o IEF e a Polícia Militar Ambiental, desenvolve o Programa de Reabilitação da Fauna Sem Lar que recebe, trata, reabilita e encaminha animais para a soltura, sempre orientada e acompanhada pelo IEF.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO