Planetário é a atração na abertura da 17ª Semana da Astronomia em Ipatinga

Dez escolas, que foram divididas em dois turnos de cinco, vão poder visitar o Planetário, por dia

Secom PMI


Uma nave inflável foi instalada na quadra da Escola Municipal Artur Bernardes para visitação dos alunos

A quadra da Escola Municipal Artur Bernardes, no bairro Canaã, em Ipatinga, se transformou em uma atração “de outro mundo”, nesta segunda-feira (13). Um grande Planetário Móvel foi instalado no local para receber os alunos do 4º ao 9º ano da rede municipal de ensino. A atração – que continuará sendo visitada até a próxima sexta-feira (17) – faz parte das atividades propostas pela Secretaria de Educação, dentro da 17ª Semana da Astronomia do Parque da Ciência.

Dez escolas, que foram divididas em dois turnos de cinco, vão poder visitar o Planetário, por dia. Dentro dele, os alunos participam de uma sessão explicativa de aproximadamente 40 minutos, como consta do Projeto Móbile. Os estudantes terão, durante toda a semana, uma aula lúdica sobre o Universo, dentro de um modelo de nave inflável.

O prefeito Nardyello Rocha participou das primeiras aulas interativas dentro do Planetário. “Sempre falo que todo recurso que é aplicado na Educação não é gasto, mas sim investimento. Fiz questão de vir participar e conhecer esse programa do Móbile Planetário, que é simplesmente fantástico. Os alunos estão tendo a oportunidade de desfrutar de uma aula prática bastante didática, conhecendo os planetas, familiarizando-se com as constelações e até mesmo experimentando a sensação da Terra girando. Isso é mais um elemento para que eles possam alcançar bons resultados na OBA. Já obtivemos boas notas no ano passado e não tenho dúvidas de que este ano não será diferente”, disse o prefeito.

A assessora de Ciência da Secretaria de Educação de Ipatinga, Samila Pereira Nardy Mendes, reforçou que as atividades preparadas para a Semana de Astronomia são mais um incentivo ofertado aos estudantes da rede para se empenharem na OBA. “Já estamos na 22ª edição da Olimpíada Nacional de Astronomia e Astronáutica e, a cada ano que passa, os alunos se interessam e se encantam mais com o tema. Além de aprofundar o aprendizado dos estudantes, o Planetário oferece uma noção interessante sobre a preservação do meio ambiente, uma conscientização acerca do bem maior do nosso planeta”, explicou a assessora, completando que este ano os alunos de 18 escolas municipais irão participar das provas da OBA.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO