Novo valor da passagem de ônibus em Ipatinga entra em vigor

O valor aprovado pelo Conselho Municipal de Transporte e Trânsito (CMTT) foi menor do que o solicitado pela empresa concessionária, a Saritur

Wôlmer Ezequiel


Os usuários de ônibus de Ipatinga terão que desembolsar o valor de R$ 4,20 para utilizar o transporte coletivo na cidade

O novo valor da tarifa dos ônibus do transporte coletivo de Ipatinga entrará em vigor a partir desse sábado (20), conforme já anunciado pela administração municipal. A passagem terá o valor alterado de R$ 3,80 para R$ 4,20. Já a passagem para estudante passa de R$ 3,04 para R$ 3,36.

O valor aprovado pelo Conselho Municipal de Transporte e Trânsito (CMTT) foi menor do que o solicitado pela empresa concessionária, a Saritur.

A proposta apresentada anteriormente pela empresa era de reajustar a passagem para R$ 4,69, ou seja, 23,42% de aumento, com demissão em massa de cobradores. A negociação visou à manutenção dos cobradores e o reajuste de 10,52%, abaixo da metade reivindicada pela concessionária.

Melhorias

Para a aprovação do reajuste, oito medidas de melhorias foram estabelecidas no acordo entre Poder Executivo e empresa. A maioria delas deverá ser executada pela Saritur em até 60 dias, contados a partir do anúncio do reajuste.

Entre as melhorias está a alteração do escritório de atendimento ao passageiro; expansão de linhas já existentes e a retomada das linhas que atendiam as regiões altas da cidade; criação de linhas de ônibus aos domingos para o Parque Ipanema, a partir do aniversário da cidade; implantação de sistema Wi-fi em todos os ônibus; monitoramento a distância da frota e aplicativo para o usuário; notificação da empresa para a renovação da frota; e projeto de construção de três terminais de integração.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Jéssica 21 de Abril, 2019 | 07:32
Grande absurdo. A linha do bairro bom jardim então nem se fala, falta pouco o povo ir em cima do outro. A cada dia que passa está ficando pior. Deus tenha compaixão!!!
Danilo Ferreira 20 de Abril, 2019 | 06:32
Do jeito q vão as coisas e na crise q estamos passando tá sendo melhor andar a pé mesmo ....
Chrislan 19 de Abril, 2019 | 21:07
Onde estão o ar-condicionado e a TV nos ônibus? À algum tempo estes serviram de justificativas para o aumento das passagens... Só "cubano" viu?... Aproveitando a pouca memória do povo...
Guilherme 19 de Abril, 2019 | 19:16
Toda empresa estatal só faz o consumidor sofrer, ainda mais quando ela detém um monopólio, se privatizarem essa empresa e abrissem mercado para outras, a própria concorrência regularia os preços e a qualidade dos serviços, sem precisar de intermediação do estado, fora que tiraria uma carga tributária dos que não utilizam desse tipo de transporte. Mas há quem ainda acredite que o estado trás solução pra alguma coisa.
Samuel Pereira 19 de Abril, 2019 | 12:57
Eles tinha q trocar e a frota de ônibus não e fazer melhorias nos ônibus já existentes não pois esse ônibus não comportam a cidade São velhos e pequenos de péssimas qualidades tiraram ônibus de circulação bem melhores do que os atuais .fica a dica

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO