08 de julho, de 2024 | 13:59

Petrobras anuncia aumento nos preços, da gasolina e do gás de cozinha

Tomaz Silva/Agência Brasil
Impacto para consumidor deve ser de R$ 0,15 por litro do combustívelImpacto para consumidor deve ser de R$ 0,15 por litro do combustível

Por Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro
A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (8) que aumentará em R$ 0,20 o preço do litro da gasolina a partir desta terça-feira (9). Com o reajuste, de 7,12%, o preço de venda da gasolina A para as distribuidoras passará a ser de R$ 3,01 por litro.

O impacto no preço da gasolina vendida ao consumidor final, que tem 27% de etanol em sua composição, deverá ser de R$ 0,15 por litro. No entanto, o valor cobrado pelos postos de combustível depende de cada varejista, uma vez que ainda são incluídos no valor as margens de lucro do comerciante e da distribuidora, além dos custos associados ao transporte.

Segundo a Petrobras, esse é o primeiro reajuste da gasolina neste ano. A última vez que a estatal havia modificado o preço do produto havia sido em 21 de outubro de 2023, quando houve redução de 4%. O último aumento ocorreu em 16 de agosto daquele ano (16%).

GLP
A Petrobras também anunciou aumento do preço do gás de cozinha (GLP), que subirá R$ 3,10 por botijão de 13h kg (9,81%) e passará a custar R$ 34,70. O último ajuste no preço do gás de botijão havia sido feito em 1º de julho de 2023, quando houve queda (-3,9%). O último aumento (24,9%) havia sido feito em 11 de março de 2022.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]
MAK SOLUTIONS MAK 02 - 728-90

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Viewer

09 de julho, 2024 | 10:10

“RJ, você pode até tentar defender seu politico de estimação, mas a incompetência dele é nítida.

Não há justificativas a não ser a própria incapacidade de conduzir a nação.”

Ju

09 de julho, 2024 | 07:04

“Pela sigla é possível saber de onde é e o que é.”

Rj

08 de julho, 2024 | 20:09

“Ô Vanderson, que memória curta é essa, no desgoverno do seu Minto Inelegível, o preço da gasolina subiu em torno de 69%. Em janeiro de 2019 o preço médio estava em R$ 4,268 e chegou, em maio de 2022, a R$ 7,280. Subiu em 4 anos, quase o mesmo que nos treze anos do PT na Presidência: 72%.
Perdeu Mané! Aceita que dói menos!”

Rj

08 de julho, 2024 | 19:55

“Ô Vitor, Veiwer e Sabrina, e as corrupções do seu Minto Inelegível? Leram a reportagem, publicada pelo The New York Times (pág. A7), de 6/7/24, sobre as joias das Arábias?
Quanto estava custando o litro da gasolina no desgoverno anterior? Em maio de 2022 chegou a um preço médio acima de R$ 7,20.
Perderam Manés! Aceitem que dói menos!”

Vanderson

08 de julho, 2024 | 19:28

“Faz o L cambada ?”

Sabrina

08 de julho, 2024 | 15:57

“Normal deste governo atual.”

Crítico Crítico

08 de julho, 2024 | 15:57

“Os corruptos dos empresários do ramo em Ipatinga, já repassaram o aumento,.
Quando é pra abaixar o preço, tem que esperar o estoque acabar. Cadê o Procon dessa cidade, a só ficam confinados no ar condicionado.
Ipatinga se tornou a pior cidade do interior de Minas Gerais. Cidade do mesmo porte.”

Viewer

08 de julho, 2024 | 15:15

“A galera que fez o L não tem o direito de reclamar de nada, afinal eles são os responsáveis por essa loucura.

Não tem pandemia nem nada que justifique tais preços a não ser o descontrole fiscal do desgoverno.”

Vitor

08 de julho, 2024 | 15:11

“Isso é que os escandalos de corrupção ainda nem começaram.”

Envie seu Comentário