06 de julho, de 2024 | 08:12

Polícia Federal captura foragido de Timóteo na Espanha com ajuda da Interpol

Homem é condenado pela Justiça da Comarca timoteense a pena de mais de 9 anos de prisão por crime de estupro de vulnerável

Polícia Federal
A PF conseguiu, com o apoio da Interpol, localizar na Espanha o condenado de Timóteo A PF conseguiu, com o apoio da Interpol, localizar na Espanha o condenado de Timóteo
A Polícia Federal de Minas Gerais, valendo-se da cooperação policial internacional, conseguiu localizar e prender um foragido condenado pela Justiça da Comarca de Timóteo. Ele estava na cidade de Toledo, na Espanha. O nome do criminoso, que não foi divulgado, estava na lista de foragidos da Interpol, conhecida como “Difusão Vermelha”.

Condenado a 9 anos e 4 meses de reclusão pelo crime de estupro de vulnerável, o foragido tinha um mandado de prisão internacional em seu nome e era procurado pelas autoridades brasileiras para cumprir sua pena em Timóteo.

As informações sobre o paradeiro do fugitivo na Espanha foram fornecidas pelo Núcleo de Cooperação Internacional da Polícia Federal de Minas Gerais. Esses dados foram repassados ao Centro de Cooperação Policial Internacional (CCPI) da Polícia Federal, na Superintendência do Rio de Janeiro.

A prisão é resultado da 'Operação Violeta’, uma investigação dedicada à localização e prisão de foragidos acusados de crimes sexuais contra mulheres e meninas.

O detido aguardará a tramitação do processo de extradição, que será solicitado às autoridades espanholas para que ele seja enviado de volta ao Brasil para cumprir sua pena imposta pela Justiça de Timóteo.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]
MAK SOLUTIONS MAK 02 - 728-90

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário