Expo Usipa 2024 02 - 728x90

16 de maio, de 2024 | 17:12

Homem é preso acusado de tentar atropelar grupo de pessoas em praça do Canaã

Arquivo DA
Com sinais de embriaguez, homem responderá por jogar carro contra um grupo de pessoas em praça do bairro CanaãCom sinais de embriaguez, homem responderá por jogar carro contra um grupo de pessoas em praça do bairro Canaã

Um homem em um surto tentou atropelar um grupo de pessoas em uma praça. Com sinais de embriaguez, o condutor acabou preso e responderá por delitos cometidos no trânsito e contra a vida das pessoas. O tumulto foi registrado por volta de 23h de quarta-feira (15) na praça localizada na rua Tobias, no bairro Canaã em Ipatinga. Relataram testemunhas que um homem de 54 anos acelerou uma caminhonete Ford Pampa em direção à praça e tentou atropelar as pessoas que se encontravam no espaço público.

Uma mulher de 37 anos explicou que vendia churrasquinho e outros alimentos na praça quando H.L.F. chegou e pediu cerveja e uma porção de macarrão. A despesa deu R$ 36 e o homem alegou não ter o valor integral para pagar o consumo e avisou que iria à sua residência pegar o restante do valor.

Minutos depois, a vendedora pediu à sua filha, de 17 anos, para que fosse à residência do cliente, nas proximidades, para pegar o restante do dinheiro. O homem não gostou da cobrança e retornou à praça enfurecido. Jogou cédulas de real na comerciante e passou a proferir uma série de xingamentos, a chamando de “ladra” e “puta”.

Um homem que estava no local conseguiu retirar o agressor da praça e o fez retornar para a casa. Entretanto, pela segunda vez, o homem voltou à praça e proferiu ameaças à vendedora. Por fim, disse que retornaria para “acertar as contas”.

Passados alguns minutos, de fato H.L.F. reapareceu, desta vez a bordo de uma Ford Pampa de cor prata, ano 1993. Diversas testemunhas afirmaram que ele acelerou forte pela rua Tobias, subiu no gramado da praça e jogou o veículo contra um grupo de aproximadamente 15 pessoas, dentre elas, adultos e crianças. No total, sete pessoas foram listadas como vítimas.

O homem só não atropelou o grupo todo porque há um desnível e o veículo atingiu uma pequena árvore, que se quebrou. Com isso, o carro agarrou o fundo. O homem acelerou até conseguir tirar o carro e novamente atentou contra a vida das pessoas, que corriam de um lado para outro, para tentar se salvar.

A situação somente não ficou pior porque uma viatura passava pelas proximidades e dois policiais impediram o motorista enfurecido.

Inicialmente ele conseguiu escapar, fugindo no carro pela rua Tobias, mas foi perseguido e preso minutos depois pelos militares. O homem confirmou que ingeriu cervejas em um bar no Iguaçu, chegou em casa, brigou com a esposa, foi para a praça, perto de sua residência, onde fez um pedido de macarrão, não esclarecendo o motivo do ataque.

Os policiais verificaram que a carteira de habilitação de H.L.F. estava vencida há mais de 30 dias, a Ford Pampa estava com licenciamento de 2022 e, portanto, foi removida ao pátio credenciado. O condutor também apresentava sinais de embriaguez, mas recusou-se a fazer o teste do etilômetro. O homem foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil e responderá por direção perigosa, conduzir veículo sem a documentação exigida e pelas ameaças às pessoas na praça.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Dins Bege

18 de maio, 2024 | 08:09

“? um problemático esse cara. Já caçou confusão com muitos vizinhos. Que fique preso por um bom tempo. Coitada da esposa.”

Jovino

16 de maio, 2024 | 23:02

“As multas somadas, apreensão de carteira, e o carro recolhido no pátio, isso por si, vai dar mais dor de cabeça a ele do que as cachaça que ele tomou, tanto financeiramente como pela burocracia regularizar.”

Gozador

16 de maio, 2024 | 22:22

“Esse macarrão saiu caro...deveria ter dormido com fome...kkk”

Simone

16 de maio, 2024 | 19:53

“Logo no bairro canaã um policiamento ostensivo, dependendo do horário parada para o café,GSM de Ipatinga de prontidão.”

Jns

16 de maio, 2024 | 18:44

“Rabo Cheio

Conheci um nativo Krenak fortão - bom de bola e pagodeiro tocador de banjo -, apelidado carinhosamente pelos seus pares da tribo como Rabo Cheio.

Vá saber...”

Gegê do Doce

16 de maio, 2024 | 17:35

“As ideia gente. Todo errado, deveriam ter cortado ele no coro.”

Envie seu Comentário