04 de maio, de 2024 | 00:01

Filme gravado em Timóteo fala da vida de operário na região

Fotos: Rômulo Amaral
Profissionais da região trabalham na produção localProfissionais da região trabalham na produção local
O cineasta timoteense Jaydson Sousa, conhecido como Naga, iniciou as gravações do seu primeiro filme média-metragem “Identidade”. A obra é um dos projetos aprovados pela Lei Paulo Gustavo no município de Timóteo. Com gravações até o fim de maio, o filme tem previsão de lançamento em junho deste ano com exibição gratuita em praça pública. Na sequência, estará disponível no canal do Youtube @Lizardfilmes.

“Identidade” é livremente inspirado na canção homônima do cantor baiano Ederaldo Gentil, que retrata com maestria o cotidiano de um operário, como os metalúrgicos do Vale do Aço. “O filme conta a história de um operário que vive em Timóteo. E, a partir do seu ponto de vista, vai mostrar com sutileza algumas transformações ocorridas no Brasil e na região nos últimos 40 anos”, revela o diretor.

Como pano de fundo, serão abordados temas como direitos trabalhistas, doenças psicológicas, aposentadoria, sonhos. “Apesar de uma ficção, o filme traz memórias e episódios cotidianos de personagens reais que viveram e vivem aqui e fizeram do ofício de operário sua vida, sua história e seu sonho”, completa Naga.

As gravações continuam até o fim de maio na cidadeAs gravações continuam até o fim de maio na cidade
Dos Anos 80 aos dias atuais
Para contar essa história, o média-metragem tem participação de mais de 30 pessoas, entre artistas e profissionais de audiovisual da região, divididos em funções como elenco de atores, produção, cinegrafia, direção, cenografia, figurino, maquiagem, edição, trilha sonora, entre outras. “Nossa região possui excelentes profissionais. É incrível realizar um projeto envolvendo tantos talentos. A cada dia de gravação o projeto ganha mais força e corpo”, comemora o diretor.

Por se tratar de um filme que remonta dos anos 80 até os dias de hoje, a obra foi dividida em quatro capítulos, cada um retratando uma década diferente. “Para contextualizar essas diferentes épocas, nossa equipe fez um trabalho de pesquisa para levantar locações, objetos e elementos que ajudam trazer características de cada uma dessas fases vividas pelo protagonista e as mudanças ocorridas”, finaliza.

Equipe
O filme “Identidade” tem roteiro e direção de Naga; produção executiva de Vanessa Souza, pesquisa de Guilherme Salgado; produção, maquiagem e assessoria de imprensa de Rômulo Amaral; cenografia e figurinos de Herlon Duarte. Na direção de fotografia, Cleverson Oliveira e Naga; câmera de Caju Santiago, som direto de Arthur Ibrahim, 1° assistente de câmera de José Gervásio, trilha sonora de Junio Endrik e edição de Filipe de Oliveira. No elenco, Pedro Barroso, Daniela Alves, Camile Gracian, Jailton Laurindo, Filipe de Oliveira e Antônio Barroso.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]
MAK SOLUTIONS MAK 02 - 728-90

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário