PREF BELO ORIENTE MAIO LARANJA 02 - 728X90

23 de março, de 2024 | 08:45

Jaguaraçu fica alagada após forte temporal

Ribeirão Onça Grande transbordou e causou estragos e transtornos à população

Enviada ao Diário do Aço
As ruas da cidade tornaram-se corredores de águaAs ruas da cidade tornaram-se corredores de água
Parte do município de Jaguaraçu, no Colar Metropolitano do Vale do Aço, ficou submerso à água, devido aos efeitos do forte temporal que atingiu a região entre a noite desta sexta-feira (22) e a madrugada deste sábado (23).

O Ribeirão Onça Grande, que corta o município, transbordou e alagou casas e comércios. Em alguns pontos da cidade, as ruas transformaram-se em rios, e a água chegou a atingir metade da altura das residências.

De acordo com dados encontrados no site do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), registrados pela estação meteorológica de Timóteo, em um determinado momento chegou a chover 38.66 mm por hora. O acumulado da chuva pode ter ultrapassado os 100 mm.

Enviada ao Diário do Aço
Ponte sobre o ribeirão Onça Grande Ponte sobre o ribeirão Onça Grande




Alertas no celular
O sistema de alertas da Defesa Civil pelo celular também é uma importante ferramenta para que as pessoas possam garantir a segurança durante as chuvas.

O serviço é gratuito e não precisa de acesso à internet. O cidadão deve enviar uma mensagem de texto (SMS) para o número 40199 informando o CEP do endereço onde mora ou da área de interesse e, a partir do cadastro, receberá avisos sobre chuvas, risco de inundação e até ondas de calor que se aproximam.

Confira algumas dicas de prevenção da Defesa Civil Estadual em casos de chuvas fortes:
- Antes de sair de casa, consulte as condições da estrada
- Mude seu trajeto para evitar locais com histórico de alagamentos
- Só siga adiante se a água estiver abaixo do meio da roda do veículo da frente
- Se o nível da água ultrapassar o meio da roda, desligue o motor e saia do veículo
- Se o nível da água ultrapassar o meio da porta, saia imediatamente pela janela, suba para o teto e use o cinto de segurança para se segurar.
- Em caso de tempestade com raios, procure abrigo em edificações e veículos
- Se estiver ao ar livre e não houver abrigo disponível, posicione-se em posição de agachamento, com os pés juntos e a cabeça abaixada, mantendo-se o mais baixo possível
- Se ouvir sons de rachaduras no solo ou notar movimentos de terra, saia da área afetada o mais rápido possível. Após a ocorrência do deslizamento, não retorne à área de risco, até que as autoridades deem a devida liberação e garantam a segurança.


Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário