16 de fevereiro, de 2024 | 14:20

Homem preso em Ipatinga após troca de tiros com a PM era alvo de Força Integrada da PF

Em nota, Polícia Federal informa que foragido é de alta periculosidade e investigado por assassinatos em Governador Valadares, Naque, Periquito e Ipatinga

Wellington Fred
Policiais receberam informações que valadarense foragido e envolvido com assassinatos em Ipatinga e outras cidades estava escondido no Caravelas e, ao averiguar, foram recebidos a tirosPoliciais receberam informações que valadarense foragido e envolvido com assassinatos em Ipatinga e outras cidades estava escondido no Caravelas e, ao averiguar, foram recebidos a tiros

Um indivíduo de 29 anos preso em Ipatinga na noite de Quarta-feira de Cinzas (14), após troca de tiros com a Polícia Militar de Ipatinga, em que um sargento acabou ferido de raspão na cabeça, é um criminoso de alta periculosidade, investigado pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (Ficco) em Governador Valadares, coordenada pela Polícia Federal e integrada pelas polícias Civil, Militar e Penal.

A informação consta em nota divulgada pela Superintendência da PF, nesta quinta-feira (15). Conforme a nota, Samuel Wellington da Silva Amarante é investigado como suspeito de envolvimento em diversos crimes violentos praticados em Governador Valadares, Periquito, Naque e Ipatinga. Segundo a PF, o indivíduo é apontado como responsável por homicídios e massacres, além de tráfico de drogas. A prisão dele foi noticiada pelo jornal Diário do Aço na noite de Quarta-feira de Cinzas.

O foragido da Justiça é natural de Belo Horizonte, mas morou em vários lugares, dentre eles Governador Valadares e Ipatinga. “Dentre os diversos crimes por ele perpetrados, destacam-se um triplo homicídio efetuado no bairro Bethânia, na companhia de outros comparsas, no dia 5 de janeiro passado, possivelmente envolvidos com tráfico de drogas, e um ataque contra a vida de desafetos no distrito de Barra Alegre em Ipatinga no ano de 2014”, informa a PF.
Wellington Fred
Movimentação na avenida Colatina, na noite da prisão do foragido e caçada a um possível terceiro envolvido que fugiu Movimentação na avenida Colatina, na noite da prisão do foragido e caçada a um possível terceiro envolvido que fugiu

Como começou

Equipes da Polícia Militar foram informadas que o suspeito e comparsas estariam escondidos em uma residência na avenida Colatina, bairro Caravelas em Ipatinga e, por volta de 19h de quarta-feira, foram averiguar. O foragido decidiu resistir à prisão e trocou tiros com policiais militares do Tático Móvel, que reagiram e também atiraram. Na troca de tiros, o sargento Moraes acabou ferido de raspão na cabeça. Ele passou por exames hospitalares, levou oito pontos no lado esquerdo da cabeça e se recupera em casa.

Arma, cocaína, telefone e prensa hidráulica foram apreendidos ao fim da operação. O alvo foi preso depois de tentar fugir, pulando para residências vizinhas, mas foi cercado e contido. Também foi presa a mulher do investigado, B.A., de 23 anos. Um terceiro envolvido conseguiu escapar.
Divulgação
Na residência onde estavam os marginais, foram recolhidas barras de cocaína e uma prensa hidráulicaNa residência onde estavam os marginais, foram recolhidas barras de cocaína e uma prensa hidráulica

O tenente PM Marochio informou à reportagem do Diário do Aço que nas buscas foram encontrados uma prensa hidráulica e barras de entorpecentes, documentos falsos, entre outros materiais. Ficou confirmado que contra o alvo da operação havia três mandados de prisão expedidos pela Justiça pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas.

Ao fim da operação, foram recolhidos um revólver Taurus calibre 38, cartuchos deflagrados de calibre 32, um carregador de pistola, uma barra e meia de cocaína, porções prontas para a venda no varejo, de cocaína e maconha, anotações referentes ao tráfico, uma prensa hidráulica, CNH e RG falsos e quatro telefones celulares.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Tiopac

17 de fevereiro, 2024 | 23:16

“Terra de ninguém”

Pagador de Impostos

17 de fevereiro, 2024 | 06:56

“Ipatinga já tem bandido de sobra e ainda bem essa pe$te de BH e GV pra infernizar aqui. Tem que começar a tombar, antes que seja tarde demais. Chega a ser assustadora a ficha desse meliante aí.”

Boi Mocho

17 de fevereiro, 2024 | 00:05

“Lembro de umas ocorrências policiais onde os autores forem capturados por seus erros de principiantes. Um mesmo matou um outro indivíduo, mas na hora da fuga deixou um parachoque com a placa do veículo utilizado no crime para trás.
População, vamos tirar a b*nda do sofá e apoiarmos nossa polícia através do 181, é anônimo.”

Envie seu Comentário