Usiminas EstÁgio - 728x90

07 de fevereiro, de 2024 | 17:00

Administração de Ipatinga anuncia inscrições para o Compete Minas 2024

Divulgação
Programa abre oportunidades a empresas privadas e universidades para desenvolvimento de produtos e processosPrograma abre oportunidades a empresas privadas e universidades para desenvolvimento de produtos e processos

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Ipatinga anunciou nesta terça-feira (6), na Aciapi, em reunião com empresários e representantes de universidades locais, que já estão disponíveis, de forma on-line, as inscrições para que empresas privadas possam se candidatar ao Programa “Compete Minas”.

O edital pode ser lido na íntegra clicando neste endereço eletrônico. Nele também consta a lista de documentos necessários para a inscrição, que tem prazo até o dia 17 de abril.

O superintendente de Inovação Tecnológica do Governo do Estado, Pedro Emboava, veio pessoalmente a Ipatinga divulgar o programa: “As Chamadas 07/2024 - Compete Minas: Linha Tríplice Hélice e 08/2024 - Compete Minas: Linha Empresas, Startups e Cooperativas somam R$ 80 milhões em investimentos e estão ligadas ao Compete Minas, programa que incentiva a competitividade das empresas e o desenvolvimento econômico do Estado de Minas Gerais. O foco do Compete Minas é apoiar o desenvolvimento econômico do Estado, tornando as empresas mineiras mais competitivas e eficientes por meio de tecnologia e inovação”, explica Pedro.

O programa, de iniciativa do governo estadual, via Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), atendendo à orientação programática da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDE), beneficia empresas privadas em vários segmentos.

“O programa tem como objetivo apoiar financeiramente projetos de pesquisa interligados à tecnologia e inovação através de empresas, startups ou cooperativas do Estado de Minas Gerais, a fim de desenvolver produtos e processos inovadores para oportunidades no mercado. Conforme o edital, poderão se inscrever empresas tradicionais, empresas de base tecnológica, startups e cooperativas que atendam requisitos tais como possuir registro na Junta Comercial de Minas Gerias ou Registro de Pessoas Jurídicas no Estado”, explica o secretário Dijalma Pires.

Valores
Os valores máximos de recursos destinados a cada um dos proponentes são:
- Até R$ 200 mil - Empresas, Startups e Cooperativas com faturamento igual ou inferior a R$ 4,8 milhões;
- Até R$ 500 mil - Empresas, Startups e Cooperativas com faturamento de R$ 4,8 milhões a R$ 16 milhões;
- Até R$ 1 milhão - Empresas, Startups e Cooperativas com faturamento de R$ 16 milhões a R$ 90 milhões;
- Até R$ 2 milhões - Empresas, Startups e Cooperativas com faturamento de R$ 90 milhões a R$ 300 milhões;
- Até R$ 4 milhões - Empresas, Startups e Cooperativas com faturamento maior que R$ 300 milhões.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário