EXPO USIPA PERSONAGEM 1 02  - 728X90

15 de novembro, de 2023 | 09:18

Cruzeiro pode disputar reta final do Brasileiro sem torcida



A invasão de campo no estádio Vila Capanema, no Paraná, deve render punições pesadas para Coritiba e Cruzeiro. Quando se enfrentaram na última rodada, alguns torcedores celestes invadiram o campo no momento em que o time sofreu um gol, quando os torcedores da casa também foram ao gramado para enfrentarem os adversários. Agora, os dois clubes podem ter que jogar sem torcida até o fim do Campeonato Brasileiro.

Na terça-feira (14), a Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) entrou com pedido de liminar para que os clubes joguem com portões fechados, que o estádio seja interditado, que os clubes percam mando de campo e que sejam afastadas as organizadas envolvidas na invasão.

Essas medidas ainda precisam ser acatadas pelo presidente do STJD, que vai analisar o pedido nos próximos dias. Em caso de aceite, as medidas ficarão em vigor até o julgamento.

Além de disputar os importantes jogos finais – briga contra o rebaixamento - sem o apoio do torcedor, os clubes ainda poderão ter que mandar suas partidas a mais de 100 quilômetros da cidade sede do clube.

Dos seis jogos restantes do Cruzeiro, por exemplo, três são em casa. Diante da questão jurídica e das prováveis punições, o clube já interrompeu a venda de ingressos para o duelo contra o Vasco, no dia 22. Os times travam uma luta direta contra o descenso.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário