20 de junho, de 2022 | 19:00

Assassino confesso de adolescente em São Sebastião do Anta é preso em Ipatinga

Divulgação Polícia Militar
Os objetos apreendidos com o assassino confesso do homicídio, preso no bairro Nova EsperançaOs objetos apreendidos com o assassino confesso do homicídio, preso no bairro Nova Esperança

A Polícia Militar prendeu em Ipatinga, na manhã desta segunda-feira (20), um jovem de 19 anos que confessou o assassinato de Ronan de Souza Lima, de 16 anos. Ele foi morto a golpes de faca na noite de domingo (19) em São Sebastião do Anta. Um adolescente de 13 anos, irmão do autor, também teria participado do crime que teve motivação passional.

O homicídio foi praticado em uma lavoura, próxima da cidade, e a vítima foi morta com diversas facadas tendo o corpo enterrado em meio à plantação de café. ‘’Ontem (domingo), por volta de 18h, a sala de operações de Inhapim recebeu uma ligação de familiares do autor que ele havia chegado em casa com uma faca cheia de sangue e com a roupa suja. Ele relatou para os próprios familiares que havia ceifado a vida de uma pessoa”, disse o tenente Moraes para a imprensa.

Assim que teria revelado o crime para os familiares, o suspeito Willian Henrique Vieira, de 19 anos, pegou umas peças de roupa, dinheiro e fugiu da cidade. Os policiais saíram para confirmar a informação e, durante diligências, pessoas falaram que o irmão do suspeito foi visto na companhia da vítima na praça e em algumas ruas da cidade.

Os familiares de Ronan confirmaram que ele estava sumido há horas. Com o apoio dos policiais militares de Inhapim, foram iniciadas diligências próximas da casa do suspeito e foi encontrada a bicicleta da vítima. Em seguida, localizaram um boné sujo de sangue próximo ao cafezal. Logo à frente foi percebido que havia uma terra mexida na lavoura, com folhagens sobre o local.

Os militares encontraram o corpo do adolescente. A Perícia Técnica da Polícia Civil foi acionada e constatou diversas perfurações no corpo da vítima provenientes de golpes de faca. O corpo estava em uma cova feita no corredor do cafezal. ‘’Além de ter cavado e colocado a vítima naquele local, com terra por cima, também ocultou a vítima com folhagens’’, comentou o tenente.

Segundo o oficial, a motivação deste crime bárbaro seria ciúmes, já que a vítima estava se relacionando com a ex-namorada de Willian. ‘’A vítima atualmente namorava a ex-namorada do autor. Segundo o autor, à época dos fatos, ele foi traído por ela com essa vítima. Ele saiu de São Sebastião do Anta e ficou por um tempo longe da cidade”.
Reprodução
Ronan de Souza, de 16 anos, foi morto com diversos golpes de facaRonan de Souza, de 16 anos, foi morto com diversos golpes de faca

Há cerca de duas semanas, Willian voltou para cidade e ficou insatisfeito da ex-namorada estar namorando Ronan. “Acabou por planejar, junto ao menor infrator, que é seu irmão, toda uma história mandando mensagem para vítima convidando para juntos consumirem drogas e repartirem uma carga de drogas. A vítima acreditou na história e foi para o cafezal onde aconteceu o delito’’, detalhou o oficial da PM.

O adolescente de 13 anos, irmão do autor, foi preso no mesmo dia da descoberta do crime. O suspeito fugiu para Ipatinga, mas foi capturado na região do bairro Nova Esperança, na manhã desta segunda-feira, por equipes do 14º Batalhão em apoio aos colegas do 62º Batalhão de Caratinga.

Suspeito tentou se abrigar na casa de familiares


Os policiais de Ipatinga localizaram a casa de uma tia do suspeito, porém os familiares não permitiram que ele ficasse no local, pois desconfiaram que tivesse cometido algum crime. As equipes continuaram as buscas até que localizaram onde Willian ficou escondido, na rua Frésia, antiga rua 8, no bairro Nova Esperança.

Na residência de um amigo do suspeito, os policiais localizaram dois papelotes de cocaína, dois pinos contendo a mesma substância e material utilizado para embalar drogas. Em meio às roupas do proprietário da casa, os PMs encontraram uma arma de fogo de fabricação artesanal (polveira).

As equipes apreenderam o celular de Willian, cujo jovem diante das circunstâncias, teria confessado a autoria do homicídio por questões passionais. Ele disse que fugiu da cidade de São Sebastião do Anta em um táxi e na fuga jogou fora dois machados e uma faca utilizados no assassinato.

Apesar da alegação de ter se livrado das armas brancas, a família dele entregou à PM uma faca de cabo branco que o jovem deixou na residência, depois de lavar o sangue dela, antes de fugir. O assassino confesso foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil junto com o material ilícito encontrado na residência. (Com informações da TV Super Canal/Caratinga)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário