15 de junho, de 2022 | 10:40

Brigada atua em trabalho preventivo contra incêndios no entorno do Parque do Rio Doce

Divulgação CBMMG
Por causa de boataria espalhada nas mídias sociais, o Corpo de Bombeiros publicou nota informando que não combate incêndio no Parque do Rio Doce, apenas atua em parceria com outros órgãos, na construção de aceiros para evitar incêndiosPor causa de boataria espalhada nas mídias sociais, o Corpo de Bombeiros publicou nota informando que não combate incêndio no Parque do Rio Doce, apenas atua em parceria com outros órgãos, na construção de aceiros para evitar incêndios

O Instituto Estadual de Florestas, corpo de Bombeiros Militar e brigadistas da empresa Combat Fire, atuam esta semana na construção de aceiros no entorno da área do Parque Estadual do Rio Doce, em Timóteo.

Com previsão de um inverno mais rigoroso e seca prolongada até outubro, medidas preventivas têm sido adotadas para evitar que os incêndios florestais, comuns nessa época do ano, se espalhem pelas áreas de preservação ambiental e a reserva de Mata Atlântica no Parque Estadual do Rio Doce.

O trabalho preventivo utiliza, inclusive, a queima controlada de uma faixa de vegetação para facilitar a construção dos aceiros. Com isso, têm sido veiculadas informações equivocadas de que um incêndio atingiu o Parque Estadual do Rio Doce (PERD), próximo ao bairro Alphaville em Timóteo.

Com boataria espalhada nas mídias sociais, o Corpo de Bombeiros Militar veio a público nesta quarta-feira, esclarecer o trabalho em andamento em Timóteo.

“Cabe esclarecer que desde o dia 13/6, segunda-feira o PERD, juntamente com IEF, Defesa Civil, Bombeiros e a Empresa Combat Fire estão realizando ações programadas para construção de aceiro, por meio de queima controlada (Queima Prescrita), na área do entorno do Parque. O uso do fogo de maneira segura e controlada tem o objetivo criar mecanismos de prevenir que ocorrências de incêndios atinjam determinadas áreas no período mais crítico do ano”, informa por meio de nota enviada à imprensa.

Ainda conforme a publicação, a prática do uso do fogo para ações de prevenção e de combate aos incêndios está previsto no Código Florestal Mineiro, Lei Estadual 20.922/2013, e é regulamentado pelo Decreto Estadual nº 47.919, de 2020, que estabelecem as diretrizes de uso do fogo para essas finalidades. “O uso dessas medidas carece de prévia autorização dos órgãos ambientais para que sejam utilizadas”, conclui a nota.

Divulgação CBMMG
Bombeiros monitoram queima controlada para construir aceiro contra incêndios Bombeiros monitoram queima controlada para construir aceiro contra incêndios


O uso de fogo de forma controlada para ações preventivas é prevista em lei O uso de fogo de forma controlada para ações preventivas é prevista em lei


Trabalho começou segunda-feira no entorno do Parque Estadual do Rio DoceTrabalho começou segunda-feira no entorno do Parque Estadual do Rio Doce
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário