27 de maio, de 2022 | 15:25

FMF programa 3ª Divisão para o segundo semestre

24 clubes participaram do Arbitral, incluindo dois de Ipatinga, mas o Ideal deverá desistir da disputa

Reprodução
O clube-empresa Novo Esporte, com outro dono, tentará subir de divisão após dez anos de sua fundaçãoO clube-empresa Novo Esporte, com outro dono, tentará subir de divisão após dez anos de sua fundação

O Conselho Técnico para definir os detalhes de disputa da Terceira Divisão do Campeonato Mineiro em 2022 ocorreu nesta semana, de forma remota. Na reunião, organizada pela Federação Mineira de Futebol (FMF), 24 equipes confirmaram participação na disputa, depois que 29 haviam se inscrito.

Guarani, Uberabinha, Araguari e Minas Boca, que enviaram a documentação para a FMF, não participaram da reunião e oficializaram sua desistência. A principal novidade é a saída do Guarani de Divinópolis, após 46 anos seguidamente jogando as competições organizadas pela FMF.

O torneio está previsto para começar no dia 6 de agosto. A competição deve terminar no dia 12 de novembro. A tabela deverá ser anunciada pelo Departamento Técnico da entidade até o início de junho.

América TO, Araxá, Atlético Três Corações, Betis, Boston City de Manhuaçu, Coimbra B, Contagem, Figueirense de São João del-Rei, Ideal, Inter de Minas, Inter de São Gotardo, Itabirito, Juventus de Minas Novas, Mamoré, Montes Claros, Nacional de Uberaba, Novo Esporte Ipatinga, Serranense, Valério, Passos, Paracatu, Poços de Caldas, Santarritense e Villa Real de Juiz de Fora anunciaram que estarão no campeonato.

Pode desistir

Dois clubes de Ipatinga se inscreveram e foram ao Arbitral, Novo Esporte Ipatinga e Ideal Futebol Clube. O clube do Bom Jardim, entretanto, deve desistir da disputa e já teria oficiado a Federação Mineira, ainda nesta quinta-feira (26), por meio do seu presidente João Ozório de Souza, de que não vai mais entrar na disputa por falta de recursos financeiros.

O Novo Esporte, que foi fundado no início da década passada já como clube-empresa, teve seus direitos vendidos pelo presidente João Francisco Souza Neto, o João Chico, a um grupo de investidores do mundo do futebol liderado pelo ex-jogador Fábio Leandro, o Fabinho. O objetivo é revelar novos talentos e “colocar no mercado”, sobretudo na Ásia, onde Fabinho tem fortes relações na Tailândia, Laos, Vietnã, dentre outros países.

Fórmula de disputa

Os clubes serão divididos em três chaves de oito equipes cada. Os times se enfrentam dentro dos próprios grupos, em turno único, com sete rodadas. Os quatro melhores colocados de cada chave se classificam para o mata-mata.

Os quatro times com melhor campanha na primeira fase folgam na primeira rodada do mata-mata. Assim, as oito equipes restantes jogarão partidas de ida e volta para definirem quem avança para as quartas de final.

Grupos

Grupo 1: Montes Claros, América TO, Novo Esporte, Ideal, Contagem, Valério, Boston City e Juventus de Minas Novas
Grupo 2: Poços de Caldas, Santarritense, Atlético Três Corações, Passos, Villa Real, Bétis, Itabirito, e Figueirense
Grupo 3: Mamoré, Araxá, Paracatu, Inter de São Gotardo, Inter de Minas, Serranense, Coimbra e Nacional de Uberaba

Sub-23

Também ficou definido pelos clubes que poderão ser inscritos atletas com idade até 23 anos. Apenas cinco jogadores que estejam acima dessa faixa etária poderão ser contratados. Os times votaram por dividir as taxas igualmente entre deles.

Em 2021, o Uberaba, atual lanterna do Módulo B, se sagrou campeão da Terceira Divisão do Mineiro. O Varginha foi segundo colocado e também garantiu acesso à divisão de acesso da FMF.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Marcelo Alves de Souza

27 de maio, 2022 | 17:03

“TEM INVESTIDOR QUERENDO INVESTIR NO IDEAL SIM. COMO VOCES ACHAM QUE FOI FEITO AS REFORMAS DO FERREIRÃO? POR ESSE INVESTIDOR. MAS INFELIZMENTE Q DIRETORIA DO IDEAL ESTA DIFICULTANDO AS COISAS QUERENDO LUCRAR COM A SITUAÇÃO. UMA PENA.”

Envie seu Comentário