19 de maio, de 2022 | 16:09

Operação do MPMG combate associação criminosa envolvida com estelionato e receptação

Divulgação MPMG
O prejuízo às vítimas, de apenas um dos esquemas criminosos, se aproxima de R$ 600 milO prejuízo às vítimas, de apenas um dos esquemas criminosos, se aproxima de R$ 600 mil

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e as Polícias Civil e Militar deflagram nesta quinta-feira (19), uma operação para combater associação criminosa dedicada à prática de crimes de estelionato e receptação em Minas Gerais. O prejuízo às vítimas, de apenas um dos esquemas criminosos, se aproxima de R$ 600 mil. Dois mandados de prisão preventiva e três de busca e apreensão, expedidos pela Justiça da Comarca de Varginha, foram cumpridos. A polícia investiga a atuação da quadrilha que pode ter feito vítimas em outras regiões.

O MPMG ofereceu denúncia contra duas pessoas pela prática de sete crimes, sendo cinco de estelionato, associação criminosa e receptação. Os denunciados possuem diversos registros e processos pela prática de crimes da mesma espécie.

A operação, denominada Conto do Vigário, conta com a participação da 2ª Promotoria de Justiça de Varginha e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), núcleo Varginha.

Segundo as investigações, os criminosos se passavam por assessor parlamentar e por policiais civis, fazendo uso de identidades falsas e supostos uniformes. Os dois denunciados, em associação com ao menos mais duas pessoas ainda não identificadas, se aproximaram das vítimas e fizeram amizade duradoura.

Depois disso, a pretexto da aquisição de veículos automotores, troca de cheques e abertura de uma casa lotérica, obtiveram das vítimas aproximadamente R$ 600 mil em dinheiro, em elaborado esquema de engano.

Constatou-se, ao fim, que as promessas feitas pelos bandidos às vítimas não foram cumpridas. De acordo com o MPMG, as investigações prosseguem. Participaram das diligências dois promotores de Justiça, 14 policiais militares e 11 policiais civis.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário