17 de maio, de 2022 | 07:00

Volta ao normal

Fernando Rocha


Agora, o foco do Atlético muda com o retorno ao Mineirão, nesta quinta-feira, onde vai enfrentar o Independiente Del Valle para defender a liderança no Grupo D da Copa Libertadores.

Se a última impressão é a que fica, a vitória no último sábado, de 2 x 0 sobre o Atlético(GO), pelo Campeonato Brasileiro, acalmou e deixou a torcida animada, pois o time mostrou-se, novamente, aguerrido e utilizou uma marcação alta que não deixou o adversário “gostar” do jogo, muito parecido com a equipe do ano passado.

A mudança de postura tática foi acompanhada pelo alto no desempenho de algumas peças importantes do elenco, que andavam desconectadas ou apagadas, casos de Jair e Zaracho, além do lateral Guga, que também fez uma boa partida.

O resultado trouxe tranquilidade ao elenco e ao pressionado técnico Turco Mohamed, que só terá paz se não houver nova recaída na produção do time.

Liderança merecida
A vitória de 1 x 0 sobre o Náutico, em Recife, valeu pela primeira vez ao Cruzeiro a liderança isolada da Série B, tornando-se um sério candidato ao acesso.

O time não é o mais caro da competição, em razão disso não possui medalhões no elenco, além de ter no comando um técnico uruguaio totalmente desconhecido no futebol brasileiro, mas demonstra excelente organização tática e não à toa está a cinco partidas sem sofrer gols.

Ainda é cedo para cravar o acesso, mas o torcedor celeste tem todo direito de comemorar este excelente início de campanha, por ser totalmente o oposto do que se viu nos últimos dois anos.

FIM DE PAPO

A indecisão de voltar ou não ao Mineirão só se justifica por parte da SAF/Cruzeiro se for pelo lado financeiro, já que as despesas no Independência são menores. Além da preferencia de sua torcida, a pressão sobre os adversários, que foi enorme com 20 mil torcedores no acanhado Independência, será infinitamente maior com os mais de 60 mil que, certamente, irão comparecer aos jogos do Cruzeiro no “Gigante da Pampulha”.

Se, por um lado, Jair e Zaracho melhoraram de rendimento, os reservas de luxo Ademir, Sasha e o jovem Rubens entraram em viés de baixa, em relação ao que produziam quando entravam no segundo tempo ou até mesmo de titulares. Outra preocupação é Keno, jogador de fundamental importância para a equipe, que sofre pelo excesso de contusões. Hulk, finalmente, encontrou alguém do seu porte físico, o árbitro gaúcho Anderson Daronco, e parou de reclamar.

O Campeonato Mineiro do Modulo II, a “segundona”, já teve cinco rodadas disputadas, mas o Ipatinga ainda está buscando reforços para o seu elenco no mercado. No último sábado, com o que tem disponível, obteve um bom resultado em Ubá, no 1 x 1 contra o Aymorés. A competição atual é a mais equilibrada dos últimos anos, onde o lanterna União Luziense estava apenas 3 pontos distante do líder, Betim, que jogou ontem em Varginha contra o Boa Esporte. Com o ponto conquistado, o Tigre subiu da vice-lanterna para a 9ª posição, com 5 pontos ganhos. Na próxima sexta-feira à noite, enfrenta o Coimbra, no “Alçapão”, em Nova Lima. Os seis primeiros colocados classificam-se para o hexagonal que vai indicar os dois times que irão subir à 1ª divisão estadual, em 2023.

Os sites de apostas viraram febre e são a nova coqueluche dos torcedores. Também, tornaram-se grandes clientes e uma importante fonte de receitas das emissoras de rádio, fechando com elas contratos de publicidade, conhecidos por “merchan”, nos programas e nas transmissões de jogos. O que mais chama a atenção nisso tudo é que os locutores, ao divulgarem os sites, revelam seus palpites como forma de incentivo para captação de novos clientes, mas nunca perdem dinheiro para os mesmos. Como já dizia meu avô Tatão Rocha, na bucólica Sobrália da minha infância: - Debaixo desse angu tem carne! (Fecha o pano!)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário