15 de maio, de 2022 | 15:00

Passagens intermunicipais ficam mais caras a partir de segunda-feira (16)

O usuário do transporte coletivo rodoviário intermunicipal deve ficar atento, pois, a partir da 0h da próxima segunda-feira (16) o serviço ficará mais caro em todo o estado. No Vale do Aço, por exemplo, a passagem de Ipatinga para Timóteo, que era de R$ 8,95, será de R$ 10,50 a partir da semana que vem; já a tarifa de Ipatinga a Santana do Paraíso vai subir de R$ 6 para R$ 7,05. Confira a tabela, ao fim da notícia, com os valores das tarifas de outros itinerários.

O aumento se deve à atualização da base tarifária para o cálculo dos preços de passagem e as tarifas mínimas do Transporte Coletivo Rodoviário Intermunicipal de Passageiros do Estado de Minas Gerais, conforme resolução publicada no Diário Oficial do estado desta sexta-feira (13).

Neste ano, as empresas que realizam o serviço conseguiram um reajuste de 17,54% para as linhas que operam no asfalto e de 16,84% para os veículos que circulam em estradas não pavimentadas. Mas, de acordo com o governo estadual, as concessionárias do setor queriam um índice ainda maior, de 20%, que foi negado.

Motivo

A atualização das tarifas, segundo informou a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), tem o objetivo de corrigir a defasagem nos 12 meses anteriores, considerando a variação de preços dos insumos, como combustíveis, peças, manutenção, tributos, mão de obra, entre outros.

A pasta, inclusive, deu um exemplo: “De acordo com dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o Óleo Diesel acumula, nos últimos 12 meses, variação de 46,47%, e os pneus 25,39%”, diz a nota publicada pelo governo.

Vale do Aço

A empresa Univale, que opera na região do Vale do Aço, já divulgou os novos valores que entrarão em vigor na segunda-feira. Nas viagens de Ipatinga para Timóteo, o usuário terá que desembolsar R$ 10,50, um aumento de 17,31%, já que a passagem atualmente custa R$ 8,95. De Ipatinga para Santana do Paraíso, o reajuste será de 17,5%, o valor da passagem saltará de R$ 6 para R$ 7,05. No trecho Ipatinga a Coronel Fabriciano, a viagem passará a custar R$ 6,05, reajuste de 17,47%, pois a passagem custa atualmente R$ 5,15.

De Coronel Fabriciano para Timóteo, o usuário que paga R$ 4,70 terá que arcar com R$ 5,50. Na linha que faz o trecho Ipatinga/Industrial, o aumento será de 17,10%, ou seja, de R$ 3,80 para R$ 4,45. E no trecho Ipatinga/Águas Claras, o valor de R$ 4,05 subiu para R$ 4,75, aumento de 17,28%.

A reportagem do Diário do Aço procurou a Viação Presidente na sexta-feira, que não detalhou os novos preços das passagens, mas informou que o aumento deve ser de cerca de 17%. Cálculos realizados pelo jornal estimam que a viagem de Belo Horizonte para Caratinga custará cerca de R$ 142, hoje o valor é de R$ 121,55. No trecho da capital a Ipatinga, a passagem custa atualmente R$ 88,60 e, com o reajuste, deve passar a custar R$ 103.

Legislação

O governo mineiro informou que o reajuste anual das tarifas do transporte intermunicipal está previsto no Decreto nº 44.603/2007 (Regulamento do Serviço de Transporte Coletivo Rodoviário Intermunicipal e Metropolitano do Estado de Minas Gerais – RSTC) e nos contratos de concessão firmados para a prestação dos serviços. Destacou também que os novos valores das passagens não incluem taxas de embarque em rodoviárias e pedágios.

O Sistema Intermunicipal de Transporte de Passageiros conta ao todo com uma frota de 3.277 veículos, que atualmente atendem a uma média mensal de 3,36 milhões de passageiros no estado.

Veja, abaixo a tabela com os novos preços que serão cobrados a partir de segunda-feira para viagens entre as cidades da Região Metropolitana e do Colar Metropolitano:



Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Gustavo

20 de maio, 2022 | 11:52

“O negócio é ficar em casa o resto a gente vê depois!!! Estamos vivendo o depois... de uma solução estapafúrdia que foi estes lockdowns que o mundo adotou...”

Rosemary Sapovalov

16 de maio, 2022 | 16:37

“O aumento está previsto na lei e funciona e empresas nunca perdem mas aumento de salário é duramente criticado e lei não é cumprida.”

Viewer

16 de maio, 2022 | 14:39

“Será que se vestir roupinha vermelhinha e comer pão com mortadela vai abaixar o preço ou em breve o povo vai estar comendo da traseira de caminhões de lixo como os vizinhos que falam espanhol ?”

Shesheu

16 de maio, 2022 | 09:25

“? só no próximo feriado, ir pra rua defender o bozó que as passagens irão baratear!!!
Acorda povo... Esse cara governa para ricos/empresário.
Trabalhador (coisa que o bozo nunca foi) que se exploda.”

Thonew

16 de maio, 2022 | 07:37

“Simplesmente fora da realidade este aumento da passagem, querem dificultar a vida do trabalhador ao máximo, retiraram linhas, motoristas realizando tarefas de trocador e agora isto, mais de 17% de aumento de uma vez só! Absurdo!”

Patric

15 de maio, 2022 | 13:09

“Só ninguém pagar as passagens, quem mora em Timóteo e trabalha em Ipatinga,pega os 10,50 e vai a pé”

Paulo

15 de maio, 2022 | 08:39

“Aonde vamos parar crendeuspai”

Paulo

15 de maio, 2022 | 08:37

“Faz arminha que o preço cai”

Edimir Rodrigues

14 de maio, 2022 | 08:28

“Chupa que a cana é doce.”

Pedrinho Perito

13 de maio, 2022 | 23:13

“Faz arminha que a passagem cai pra menos de R$ 3,00 talkey?”

Envie seu Comentário