11 de maio, de 2022 | 13:42

Cinco principais competências para empreendedores e gestores

Leonardo Chucrute *

É comum que os gestores consigam acelerar o desenvolvimento de um negócio por terem uma visão mais ampla da empresa. Mas será que qualquer pessoa pode também adquirir essa habilidade? Se você tiver em mente que essa questão é algo “treinável”, vai entender que se trata de uma prática que pode ser conquistada. Não é uma coisa tão difícil. Mas para isso, é importante aperfeiçoar determinadas competências.

Uma delas tem a ver com o comportamento. Todo gestor deve ter disciplina. É preciso treinar todos os dias a mente e fazer uma constante autoanálise de suas rotinas para avaliar o quanto está empenhado ou não nos seus objetivos. Por isso, é necessário ter foco bem definido e metas claras.

Vale lembrar também que todo CEO é um grande “resolvedor” de problemas. Toda empresa sempre terá seus desafios com colaboradores, fornecedores, clientes entre outros. Portanto, desenvolva habilidades que auxiliem na busca de soluções práticas. Os obstáculos sempre vão surgir, mas não se prenda a eles. Procure os melhores caminhos. A “Vida de Negócios” não é complexa, mas, para viver essa vida, é preciso aprimorar certas competências.

"A grande diferença entre a
maioria das pessoas e um
empreendedor de sucesso é que
ele não desiste quando o
problema fica maior"


Para se dar bem no mundo dos negócios, é ainda importante treinar o olhar crítico, saber identificar os problemas e transformá-los em oportunidades. Não focar apenas na dificuldade, pois há mais coisas que precisam da sua atenção. Além de aprender a lidar com as adversidades, busque também avaliar fraquezas e ameaças que possam atrapalhar o trabalho. Dessa forma, você consegue mapear possíveis riscos e se adiantar antes que aconteça algo de ruim ou evite que determinada situação piore.

Outra aptidão que o gestor precisa aprimorar é saber escolher bem quem vai compor a sua equipe. Para isso coloque as pessoas certas nos lugares certos. Crie uma cultura empresarial e desenvolva habilidades internas que possam trazer o sucesso do seu negócio. Faça uma seleção minuciosa de quem entrará para o seu time, afinal, uma empresa é feita de pessoas.

Por fim, desenvolva a resiliência. Essa é a capacidade de não desistir, apesar das dificuldades. A grande diferença entre a maioria das pessoas e um empreendedor de sucesso é que ele não desiste quando o problema fica maior e quando há mais cobranças. Ele simplesmente resolve a situação e continua a batalha. Portanto, treine sua mente a fim de obter mais habilidades. Mantenha-se firme e entenda que o sucesso é superar todas as barreiras com a cabeça erguida!

* Gestor em Educação e CEO do Zerohum

Obs: Artigos assinados não reproduzem, necessariamente, a opinião do jornal Diário do Aço
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário