25 de janeiro, de 2022 | 15:21

Jovem que vai completar 16 anos até 2 de outubro já pode tirar o título de eleitor

Arquivo DA
A Constituição Federal de 1988 garante aos jovens de 16 e 17 anos a possibilidade de obter o título de eleitor e votar nas eleições A Constituição Federal de 1988 garante aos jovens de 16 e 17 anos a possibilidade de obter o título de eleitor e votar nas eleições

Os jovens com 15 anos, que irão completar 16 anos até 2 de outubro, dia do primeiro turno das Eleições 2022, já podem fazer o alistamento eleitoral. Não é necessário aguardar a data do aniversário para tirar o título de eleitor, informa Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG).

A Constituição Federal de 1988 garante aos jovens de 16 e 17 anos a possibilidade de obter o título de eleitor e votar nas eleições. Nessa faixa etária, o alistamento eleitoral e o exercício do voto são facultativos.

Atualmente, Minas Gerais tem 53.754 eleitoras e eleitores com 16 e 17 anos, o que representa 3,5% do eleitorado apto a votar em 2022 (15.402.847). Em 2018, ano das últimas eleições gerais, o número era bem maior: 112.868 (0,72% do eleitorado apto – 15.700.966).

Atendimento
O prazo para os jovens fazerem o alistamento eleitoral é 4 de maio. A solicitação pode ser feita por meio do sistema Título Net, no site do TRE. Basta preencher corretamente os dados solicitados no formulário e anexar foto do documento de identidade, selfie segurando o documento ao lado do rosto e comprovante de endereço.

Em caso de dificuldade no acesso à internet ou com o sistema, o interessado pode buscar atendimento presencial em um cartório eleitoral. O jovem deve levar um documento de identidade e comprovante de endereço.
Os cartórios e centrais de atendimento funcionam de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h. Para o atendimento presencial, é recomendado o agendamento prévio, que pode ser feito pelo site ou pelo Disque-Eleitor – telefone 148 ou (31) 2116-3600.

Vale lembrar que os jovens que fizerem alistamento eleitoral até o dia 4 de maio ainda não farão a coleta da biometria, porque o cadastramento biométrico está suspenso em todo o Brasil.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoedit[email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário