06 de janeiro, de 2022 | 16:07

Lei prevê pontos de embarque e desembarque para motoristas de aplicativos em Ipatinga

Informações da assessoria de comunicação da Câmara de Ipatinga
Yago Cardoso
Lei busca que motoristas não parem em locais onde podem ser multados ou os passageiros sujeitos a atropelamentoLei busca que motoristas não parem em locais onde podem ser multados ou os passageiros sujeitos a atropelamento


O Projeto de Lei (PL nº 108/21) que garante locais fixos espalhados pela cidade para o embarque e desembarque de passageiros em táxis ou em veículos por aplicativos foi aprovado em dois turnos, na Câmara Municipal de Ipatinga, e agora aguarda sanção do prefeito Gustavo Nunes (PSL) para virar lei. A informação foi divulgada pela assessoria de Comunicação da Câmara.

Idealizado pelo vereador Ney Professor (PTC), ele conta que recebeu o pedido dos próprios motoristas. “O motorista vai chegar para buscá-lo (passageiro) na sua residência, no clube, no bar, sem problema nenhum. Só queremos garantir que, em locais onde o motorista tenha a possibilidade de receber uma multa ou onde o passageiro possa se sujeitar ao risco de um atropelamento, a gente tenha um ponto específico para que se possa embarcar e desembarcar com toda segurança. Então a lei só está acrescentando mais qualidade aos atendimentos”, defendeu o parlamentar.

“Na avenida 28 de Abril, por exemplo, são poucas as opções de vagas de estacionamento. Se o passageiro fizer uma compra, a mercadoria poderá ser embarcada no ponto mais próximo, com toda comodidade”.

O vereador afirma que, com a vigência da lei, situações de perigo e constrangimento poderão ser evitadas. “Já presenciei uma autoridade chamar atenção de um motorista de forma ríspida quando ele simplesmente parou para o desembarque de uma senhora idosa. É uma cena muito embaraçosa”, relata.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Moacir P Alves

07 de janeiro, 2022 | 17:51

“Não existe risco de levar multa em ipatinga não temos ninquen pra cobrar q as leis de trânsito funcione estamos abandonados ninquen respeita mais sinais locais de estacionamento só no parque Ipanema que as multas acontece carros são rebocados no resto da cidade pode tudo”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 17:19

“E as ditas autoridades são educadas, porém firmes com quem não respeita as leis e assim tem que ser. Cobramos mais segurança e não fazemos a nossa parte.”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 17:17

“Senhor vereador, esta história ler uma idosa não cola. E as autoridades, como autoridades tem que ver a lei, por exemplo o CTB.”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 17:15

“Para que sercira esta lei? Para beneficiar ou para atrapalhar? Os pagadores de impostos tem.onde estacionarem? Como conseguirão espaco na Av 28 de Abril?”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 11:51

“Estoria muito estranha: quase não há policiamento ostensivo mesmo no centro de Ipatinga, principalmente evitando as filas duplas na Av 28 de Abril. Ademais, as pessoas como uma idosa, deveriam serem educadas para seguirem a lei e não desrespeita-las. Conversa para boi dormir!”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 05:57

“Pior do que está lei é a que obriga o motorista a socorrer um cachorro que for atropelado sem citar o dono do animal que o abandona a própria sorte em via pública , sem citar o seu dono.deveria caber alguma sanção a este por tal ato de reponsabilidade.”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 05:51

“Este vereador está querendo aparecer. Cita história da carochinha para tentar propagar o desrespeito legal as lei de trânsito. Parar em fila dupla é passível de multa . A sociedade civil agradece.se todos cumprissem a lei e/ou zelasseem por ela.”

Oliveira

07 de janeiro, 2022 | 05:48

“Como assim: a dita autoridade é atacada por zelar pelo cumprimento das leis, onde um indivíduo prejudica o trânsito em prol de uma velhinha imaginária? O individual sobrepõe o coletivo? Fracamente , é não ter o que fazer. E o tal projeto é aprovado?”

Carlos Roberto Martins de Souza

06 de janeiro, 2022 | 21:57

“Quero ver quem vai organizar tudo, pois o trânsito na cidade, e principalmente no centro, é uma vergonha, uma baixaria. Vale a lei do cão, ninguém respeita nada e não há fiscalização nenhuma, uma tremenda bagunça debaixo dos olhos das autoridades.”

Oliveira

06 de janeiro, 2022 | 19:29

“Deve ser o mesmo vereador autor do projeto que torna obrigatório socorro a vítima de.acirente, sendo este representante da classe dos caninos e não informou para onde ligar ou levar o filho da cachorra.”

Oliveira

06 de janeiro, 2022 | 19:27

“Que falta de assunto: a pobre autoridade fazendo o seu dever de por ordem no trânsito e sendo criticado por este vereador. Mudaram as leis do trânsito? Pode para em.fila dupla ou longe do acostamento? Sempre a mesma historia: uma senhora idosa sem identificação sofrendo maus tratos. Conversa para boi dormir.”

Jeferson

06 de janeiro, 2022 | 18:42

“Bom, já existe sinalização para esse fim: ponto de embarque e desembarque de passageiros além das vagas de curta duração.
Primeiro que não fiscalizam nem as que existem no CTB, agora vão criar placas, como as placas do trenzinho da alegria. O código de trânsito brasileiro é bem claro quando diz que compete unicamente a união a legislar sobre o trânsito.
Acho que Ipatinga merece um engenheiro de tráfico que adeque o trânsito de forma técnica e não política.”

Envie seu Comentário