25 de novembro, de 2021 | 10:01

Briga entre irmãos termina com homem morto a facada em Revés do Belém

Reprodução
Evandro foi atingido com um golpe de faca no braço direito durante a confusão em Revés do BelémEvandro foi atingido com um golpe de faca no braço direito durante a confusão em Revés do Belém

Um desentendimento entre dois irmãos e uma jovem terminou em morte na madrugada desta quinta-feira (25) no distrito de Revés do Belém, em Bom Jesus do Galho. Evandro Silva Rodrigues, de 33 anos, morreu ao ser atingido com uma facada no braço. A acusada do crime foi presa. Ela é a irmã de Evandro, Simone Dias Dores Rodrigues, de 37 anos.

A Polícia Militar foi acionada logo nos primeiros minutos da madrugada desta quinta-feira, com a informação sobre a briga. Os policiais depararam-se com a vítima ferida com uma facada no braço direito, na rua Vitória-Régia, na área central do distrito. Simone e Tamara Oliveira de Paula, de 20 anos, estavam detidas por populares.

Tamara alegou que discutiu com Evandro por motivos de ciúmes. Simone entrou na discussão e os irmãos passaram a se agredir. Tamara chegou a pedir que populares intervissem na confusão para separar os dois irmãos. Não deu tempo. A mulher agredida desferiu um golpe de faca que atingiu o braço direito do seu irmão. O corte provou intensa hemorragia.

Conforme apurado pelo Diário do Aço junto à PM, todos os envolvidos ingeriam bebida alcoólica, quando a confraternização terminou em desentendimento entre o casal Evandro e Tamara, discussão que acabou gerando as agressões, com o envolvimento de outras pessoas. Simone confirmou a autoria da facada, mas alega que não teve a intenção de matar o irmão.

Evandro estava lúcido quando foi socorrido e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Ipatinga. Durante o percurso ele, inclusive, afirmou que o motorista do carro em que estava não precisava correr, pois era “apenas uma facada no braço”. No trevo de acesso para a BR-458, ele pediu água e, com o passar do tempo, perdeu a consciência.

Ao dar entrada na UPA, os profissionais de emergência constataram o óbito de Evandro. Ele apresentava um corte profundo na região do bíceps braquial. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal de Ipatinga para ser necropsiado e já liberado para a família providenciar o velório e sepultamento.

As duas mulheres também foram medicadas e conduzidas para o plantão da Delegacia Regional de Caratinga. A faca usada na agressão foi apreendida pelos policiais militares que registraram a ocorrência. A lesão corporal acabou se transformando em homicídio.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário