21 de outubro, de 2021 | 10:01

Transportadores de combustíveis paralisam a atividade em protesto contra o ICMS e preço de combustíveis

Divulgação
Pela terceira vez, em dois meses, tanqueiros paralisam as atividades e protestam contra a alta do combustívelPela terceira vez, em dois meses, tanqueiros paralisam as atividades e protestam contra a alta do combustível

Os transportadores de combustíveis e derivados de petróleo de Minas Gerais, chamados "tanqueiros" suspenderam as atividades nesta desta quinta-feira (21/10). Conforme divulgado por representantes do setor, a ação ocorre em protesto contra o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos combustíveis no estado e os altos preços da gasolina, do álcool e do diesel, praticados pela Petrobras. A informação foi divulgada pela Rádio Itatiaia, de Belo Horizonte. Os tanqueiros já pararam outras duas vezes, ao longo dos meses anteriores, mas a paralisação não durou mais que 24 horas.

Nesta quinta-feira todas as transportadoras estão paradas num total de cerca de 800 caminhões, nas proximidades da Refinaria Gabriel Passos, nas portarias da BR Distribuidora, e ao lado das principais distribuidoras de combustíveis em Betim. Como muitos postos trabalham com volume baixo de estoque nos tanques, caso a greve dure mais de 24 horas, há risco de desabastecimento.

A Polícia Militar foi acionada e equipes acompanham a manifestação, que começou de forma pacífica. O movimento também ocorre com transportadoras no Rio de Janeiro e Espírito Santo.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Roberto Alves da Silveira

22 de outubro, 2021 | 12:34

“Bolsonaro 2022 ,luladrao nunca mais, comunistas nunca mais,Venezuela e Argentina estão esperando vcs.”

Carlos Roberto Martins de Souza

21 de outubro, 2021 | 13:50

“? TEMPO DA FARTURA
Carlos Roberto Martins de Souza

A inflação segue nos massacrando
Trazendo fartura para mesa do povo
Farta arroz farta feijão vão enrolando
Farta carne farta o leite farta até ovo

Farta salário decente ao trabalhador
Também farta emprego a população
Só não farta na porta o tal cobrador
Com o boleto aumentando a aflição

Um cabra de pouca inteligência disse
Não comprem o feijão comprem fuzis
Mostrou ao povo toda a sua canalhice
Para não morrer e proteger seus Brasis

Farta verdade mas sobram as mentiras
Farta mais respeito pelo pobre cidadão
Farta homens com amor e sobram iras
Falta gente de bom e meigo coração

A gasolina e seus preços pornográficos
Vai fazendo história mudando costumes
Vai registrando nos arquivos fotográficos
As imagens de um presidente estrume

Farta vergonha na cara dos políticos
Farta até sabedoria na hora de votar
Farta muita honestidade aos críticos
Farta moral farta até vontade de lutar

Se a coisa não melhorar com urgência
Vai ser uma tremenda duma confusão
Não resolver fazer nem a tal penitência
Vai morrer muita gente e farta até caixão”

Paulo

21 de outubro, 2021 | 13:18

“Engraçado que era só tirar a Dilma que melhoraria. Quando ela era presidente acho que não existia, STF, governador e nem prefeito. Viraram a artilharia para os governadores, pra desajustar as contas dos estados. Bolsonaro conseguiu criar a nova república do não a culpa não é minha. Até pra protestar os caras são machistas, o mito com toda sua incompetência continua intocável.”

Envie seu Comentário