07 de outubro, de 2021 | 16:03

Websérie une gastronomia, cultura e tradição da fé do povo brasileiro

Divulgação
A produção apresenta uma das principais celebrações do catolicismo popular: festa, culinária e reza no SerroA produção apresenta uma das principais celebrações do catolicismo popular: festa, culinária e reza no Serro

Estreia nesta quinta-feira (7) a primeira websérie do projeto “Memorável Ceia”, produzida por uma equipe do Vale do Aço que levou para o vídeo as principais celebrações do catolicismo popular brasileiro, especialmente em suas interações com a gastronomia mineira. A websérie, dos jornalistas e produtores culturais Moysés Maltta e Fernanda Lima Lopes, será veiculada via Youtube, no canal do Instituto Cultural Princesa Isabel, que milita para a renovação da alta cultura e da fé do povo brasileiro.

A primeira temporada, com estreia nesta quinta-feira, às 20h, é dedicada à Nossa Senhora do Rosário, dona de uma das festas mais populares de Minas Gerais. A data é dedicada à santa no calendário oficial da Igreja Católica Romana, mas, no Brasil, as celebrações de Nossa Senhora do Rosário variam de município para município, de modo que elas ocorrem em diferentes meses do ano.

A websérie tem sete episódios, e dará destaque à culinária mineira, mostrando o passo a passo de receitas que fazem parte dos festejos desde o período colonial mineiro. A produção mostra a Festa de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos do Serro, que está à beira de completar 300 anos de existência. Foi iniciada pelos escravos daquela região, que fundaram uma Irmandade leiga, que, ainda hoje, mantém viva essa tradicional manifestação da fé.

Festa e culinária

Unindo gastronomia e história, os episódios de “Memorável Ceia” mesclam informações e curiosidades da festa e da culinária serranas. Um dos mais importantes elementos dessa celebração, que dura três dias, são as refeições coletivas ofertadas pelos organizadores a todos que participam dos festejos. Esses banquetes revivem a postura acolhedora e fraterna típica dos católicos do período colonial mineiro e, atualmente, continuam atraindo fieis e visitantes à cidade de Serro, uma das mais antigas de Minas Gerais.

Divulgação
Moysés e Fernanda: pesquisa, informações e curiosidadesMoysés e Fernanda: pesquisa, informações e curiosidades
A suspensão temporária dos festejos na rua, em virtude da pandemia, suscitou nos produtores Moysés e Fernanda o desejo de manter viva a memória da festa, ainda que de modo virtual. “Em nossa websérie mostramos sete receitas escolhidas a dedo. Tutu de feijão e leitoa assada representam os pratos principais dos almoços e jantares que acontecem na casa dos festeiros. Mostraremos também o doce de leite cortadinho, doce de zamboa com rapadura e o exótico doce de pau de mamão”, antecipa Fernanda.

Cada episódio de “Memorável Ceia” vai revelar os segredos desses verdadeiros tesouros gastronômicos que resistem ao tempo, além de trazer belas imagens que fazem a contextualização histórico-cultural da Festa de Nossa Senhora do Rosário. “Para cumprir essa missão, convidamos uma das mais disputadas banqueteiras do Serro, Dona Maria Augusta Dias, experiente em realizar Festas de Nossa Senhora do Rosário, e que já foi coroada como Rainha da Festa em 2011”, revela Moysés.

Estreia

A primeira websérie do Projeto “Memorável Ceia” será veiculada via Youtube, no canal do Instituto Cultural Princesa Isabel (https://www.youtube.com/watch?v=_aRLRmDSIBg). Essa primeira temporada foi financiada com recursos da Lei Adir Blanc, pelo Edital Cultura Alimentar e Gastronomia, do Governo Federal. Nesta quinta, às 20h, os produtores Moysés Maltta e Fernanda Lima Lopes estarão on-line no chat do canal para conversar com os espectadores sobre o primeiro episódio.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário