16 de setembro, de 2021 | 17:23

Fotógrafo dá dicas para tirar fotos noturnas pelo celular

Divulgação/MF Press Global
É preciso atentar a detalhes importantes, como o tempo de exposição para composição da fotoÉ preciso atentar a detalhes importantes, como o tempo de exposição para composição da foto

Quem nunca se encantou com um céu noturno e desejou tirar uma foto, não é mesmo? Mas, na falta de um equipamento profissional ou tendo apenas o celular à mão, muitas pessoas tentam captar estas imagens e o resultado não sai como o esperado. O fotógrafo Frederico Gomes explica por que isso acontece e como reverter isso a seu favor, mesmo com seu próprio smartphone.

“Primeiramente, é preciso observar se o seu aparelho não oferece um tempo de exposição grande, pois fotografia é antes de mais nada usar a luz para compor uma imagem”, aconselha Frederico. Para quem não possui um aparelho com as configurações ideais, uma boa opção, destaca, “é baixar um aplicativo que ofereça opções de ISO, foco e tempo de exposição”.

Normalmente, as câmeras dos celulares apresentam dois modos de configuração: automático e manual. “A primeira funciona bem em ambientes iluminados, e nem sempre vai dar certo. É preciso acessar as opções e atentar a detalhes importantes, como o tempo de exposição, pois esse item é fundamental para conseguir registrar imagens em noites escuras de céu estrelado”, orienta.

Divulgação/MF Press Global
A fotografia é, antes de mais nada, usar a luz para compor uma imagemA fotografia é, antes de mais nada, usar a luz para compor uma imagem

Para quem deseja tirar fotos das estrelas, por exemplo, Frederico recomenda que a pessoa deixe a câmera captando a luz por um tempo maior, em um ambiente um pouco mais escuro, “assim será possível receber uma quantidade de luz ideal para registrar as estrelas”. Além da questão de luminosidade, “é fundamental manter a câmera estável”. “Se a pessoa tremer, certamente a qualidade da imagem não vai ficar legal. Use um tripé, mas se não tiver, tente encontrar uma forma de deixar o smartphone imóvel enquanto a foto está sendo tirada”, observa.

Com essas orientações, o fotógrafo acredita que as imagens ficarão melhores do que as que normalmente são tiradas. “Certamente, o resultado vai agradar na hora de compartilhar os resultados com muito orgulho nas redes sociais”, completa.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário