10 de setembro, de 2021 | 10:00

Municípios do Vale Aço receberão kits para atuação da Defesa Civil

Governo Federal
Kits são compostos por uma caminhonete 4x4, um notebook, cinco coletes reflexivos e uma trena digitalKits são compostos por uma caminhonete 4x4, um notebook, cinco coletes reflexivos e uma trena digital

Foi divulgada nesta quinta-feira (9) a relação dos 479 municípios que receberão um kit do Governo do Estado para atuação da Defesa Civil de cada localidade. Na região do Vale do Aço, foram vários selecionados e a previsão é que o repasse ocorra até outubro. Os kits são compostos por: uma caminhonete 4x4, um notebook, cinco coletes reflexivos e uma trena digital.

O processo de seleção dos municípios teve início no dia 10 de agosto, com a primeira etapa do Edital de Chamamento Público nº 01/2021. No total, 533 municípios apresentaram a documentação em envelopes lacrados, para comprovar o preenchimento dos requisitos do edital. A análise das inscrições foi feita pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) e os 479 inscritos com maior pontuação foram os contemplados.

O objetivo é estruturar os municípios e garantir um melhor atendimento em situações de emergência, como inundações e outras situações adversas. Na região, Antônio Dias, Coronel Fabriciano, Timóteo, Jaguaraçu, Santana do Paraiso, Ipaba, Bugre, Inhapim, Iapu, Pingo D’Água, Belo Oriente, Dionísio e Naque estão na lista divulgada pelo governo estadual.

Para a administração municipal de Jaguaraçu, a entrega em tempo hábil da documentação, feita pela coordenadoria de convênios da prefeitura, foi o fator importante para o sucesso na seleção. E para o diretor do Setor Operacional da Defesa Civil, José Antônio dos Santos, os equipamentos darão um importante reforço no trabalho a ser feito no período de chuva que está por vir.

“A doação deste kit da Defesa Civil vem ao encontro a uma necessidade antiga da coordenadoria. Com estes equipamentos, a coordenadoria de Defesa Civil vai ter mais agilidade, autonomia e segurança para atender as famílias atingidas e mais eficiência e precisão no monitoramento das áreas de risco do município”, destacou.

Recurso

A compra dos veículos e dos demais itens foi possibilitada com recursos provenientes do Termo de Compromisso específico (TAC Defesa Civil), celebrado em novembro de 2020 e incorporado pelo Termo de Medidas para reparação integral dos danos causados pelo rompimento das barragens B-I, B-IV e B-IVA na Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, em janeiro de 2019.

O Termo de Reparação foi assinado em fevereiro de 2021 pelos compromitentes – Estado de Minas Gerais, Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MPMG), Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais (DPMG) e Ministério Público Federal (MPF) – e a compromissária – Vale S.A. – e homologado pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Vinícius de Moura Martins

12 de setembro, 2021 | 00:35

“Ficou faltando na lista a cidade de Santana do Paraíso”

Envie seu Comentário