07 de setembro, de 2021 | 13:39

Timóteo vai receber R$ 95 mil do Governo Federal para estudos e projetos de saneamento

Divulgação
Recursos serão usados em soluções de drenagem urbana sustentável na bacia hidrográfica do rio TimotinhoRecursos serão usados em soluções de drenagem urbana sustentável na bacia hidrográfica do rio Timotinho

O município de Timóteo vai receber R$ 95 mil do Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), para investir em estudos e projetos para a drenagem urbana sustentável na bacia hidrográfica do rio Timotinho. A informação foi divulgada pelo MDR.

O secretário Nacional de Saneamento, Pedro Maranhão, reforça o impacto positivo dos investimentos no setor. "A falta de acesso a serviços básicos, como tratamento de água e esgoto, coloca em risco a saúde da população. Além disso, a falta de saneamento também é um problema ambiental. E esta gestão tem se esforçado para mudar essa situação, dando continuidade a importantes obras do setor", afirma.

Investimentos

Desde janeiro, R$ 284,45 milhões do Orçamento Geral da União (OGU) foram repassados pelo MDR para garantir a continuidade de empreendimentos de saneamento básico pelo País. Outros R$ 790,64 milhões foram assegurados para financiamentos por meio do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e de outros fundos federais financiadores.

Atualmente, a carteira de obras e projetos da Pasta no setor - contratos ativos e empreendimentos em execução ou ainda não iniciados - é de 1.199 empreendimentos, somando um total de R$ 49,99 bilhões, sendo R$ 29,92 bilhões de financiamentos e de R$ 20,07 bilhões de Orçamento Geral da União.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário