05 de setembro, de 2021 | 08:30

Brasil encara hoje a Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Mundo

Lucas Figueiredo/CBF
Na final da Copa América, último confronto contra a Argentina, a seleção brasileira perdeu por 1 a 0Na final da Copa América, último confronto contra a Argentina, a seleção brasileira perdeu por 1 a 0

O Brasil enfrenta neste domingo (5) a Argentina, às 16h, na Neo Química Arena, pela sexta rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar 2022. Esse será o primeiro encontro das duas seleções após a final da Copa América deste ano, vencida pelos hermanos no Maracanã, por 1 a 0.

A seleção brasileira ocupa o primeiro lugar da tabela, com 100% de aproveitamento nos jogos das Eliminatórias, com 21 pontos somados, em sete partidas disputadas. Já a Argentina está em segundo lugar, com 15 pontos.

A partida de hoje terá rigorosa operação de controle sanitário. Para orientação das pessoas que estarão no estádio para trabalhar ou assistir ao jogo, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Governo do Estado de São Paulo, Prefeitura de São Paulo e Federação Paulista de Futebol elaboraram um protocolo completo com todos os passos a serem seguidos. O documento contou com a colaboração de profissionais de todas as áreas envolvidas na realização do evento e seguiu as normas das autoridades sanitárias governamentais de São Paulo. As medidas também têm o aval da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

Para a partida contra os argentinos, a seleção brasileira terá alterações. Marquinhos, que tomou seu terceiro cartão amarelo no jogo contra o Chile, está suspenso. Com isso, Tite vai ter que decidir quem será o substituto do zagueiro contra a Argentina, já que Thiago Silva não foi liberado pelo Chelsea. Dessa forma, para o jogo contra a Argentina, o técnico terá de escolher entre Miranda e Lucas Veríssimo.

O Brasil deve entrar em campo com: Weverton; Danilo, Militão, Miranda (Lucas Veríssimo) e Alex Sandro; Casemiro, Bruno Guimarães (Gerson) e Lucas Paquetá; Vinícius Junior (Éverton Ribeiro), Neymar e Gabriel Barbosa.

Para o jogo, a Argentina deve ir a campo com o mesmo time que atuou diante da Venezuela. Lautaro Martínez deve novamente ser a referência ofensiva do time. A provável escalação tem: Emiliano Martínez; Molina, Otamendi, Pezzella e Acuña; Rodríguez, De Paul, Di María e Lo Celso; Lautaro Martínez e Messi.

Após o confronto com a Argentina, a equipe canarinho enfrentará o Peru, na quinta-feira (9), na Arena Pernambuco.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário