04 de agosto, de 2021 | 15:02

Felipão e Ney Franco acionam Cruzeiro na Justiça

Divulgação Cruzeiro
Depois de trabalhar no time por três meses, Felipão cobra salários atrasadosDepois de trabalhar no time por três meses, Felipão cobra salários atrasados

Enquanto o Cruzeiro acaba de anunciar seu décimo treinador em dois anos, Vanderlei Luxemburgo, os ex-comandantes Ney Franco e Felipão acionaram o Cruzeiro na Justiça para receberem direitos trabalhistas.

Ney Franco, que treinou o time em apenas sete jogos no ano passado, está pedindo mais de R$ 600 mil referentes a verbas rescisórias, FGTS e multas. Já Felipão, depois de passar três meses no Cruzeiro entre 2020 e 2021 e comandar a equipe em 21 jogos, cobra o pagamento de salários atrasados. O não pagamento regular dos salários, aliás, foi o que fez Felipão deixar o time.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário