12 de julho, de 2021 | 07:19

Jovem é morto a tiros no bairro João XXIII em Timóteo

Reprodução
 Arthur da Silva Mendonça tinha 22 anos Arthur da Silva Mendonça tinha 22 anos
A polícia de Timóteo apura a autoria de mais um homicídio na cidade. Desta vez o crime foi registrado no fim da noite de domingo, na rua Dois, Córrego do Caçador, localizado acima do bairro João XXIII, em Timóteo, onde foi morto a tiros Arthur da Silva Mendonça, de 22 anos.

Testemunhas relataram que escutaram cinco tiros. Quando policiais militares chegaram ao local encontraram a porta da residência arrancada e, no seu interior, a vítima encontrava-se caída, sem vida. A namorada de Arthur informou que, por volta de 23h35, dois indivíduos pularam o muro da residência e chamaram pelo nome de Arthur.

Em seguida a dupla arrombou a porta da residência com chutes, invadiram o quarto onde estavam deitados, Arthur, suas duas filhas e a namorada.

Os criminosos, encapuzados, confirmaram que se tratava de Arthur, antes de começar a efetuar os disparos. Depois do crime saíram correndo e a testemunha não escutou barulho de qualquer veículo se afastando. A mãe também estava no local e confirmou a versão da testemunha.

Na cena do crime, a perícia da Polícia Civil recolheu um cartucho intacto, de munição calibre 9mm e um projétil deflagrado, que pode ser de arma calibre .22 ou .32.

Um telefone Xiaomi também foi recolhido para ser periciado. Arthur tinha várias passagens pela polícia, por delitos como tráfico de entorpecentes e receptação. Conforme denúncia anônima apurada no local, dias atrás, havia uma motocicleta, não sabendo especificar marca, modelo ou cor, rondando próximo à casa de Arthur, que estava assustado, como se estivesse ameaçado de morte. A suspeita é que o crime tenha relação com dívidas de drogas.

Segundo homicídio em menos de 24 horas

Esse foi o segundo homicídio em Timóteo, em menos de 24 horas. Na noite de sábado para domingo, um desentendimento familiar terminou de forma trágica no bairro Nossa Senhora das Graças, onde um enteado, de 20 anos, matou o padrasto, de 45, depois de os dois terem passado o dia em uma bebedeira.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Envie seu Comentário